Síndrome do pânico: o extremo do estresse

Síndrome do pânico: o extremo do estresse
Imagine que você está na fila do supermercado e sem motivo começa a suar frio, a sentir um aperto no peito, um nó na garganta, falta de ar e seu coração ameaça sair pela boca. Não há motivos racionais para se sentir assim, mas o medo continua a se espalhar pelo seu corpo e você sente que sua pressão está diminuindo.
Mesmo pensando em tudo o que aprendeu para lidar com esse problema – como respirar fundo, contrair e relaxar os ombros – você só consegue pensar em sair correndo desesperadamente.
Grosso modo, isso é o que sente quem tem uma crise de Pânico, problema que normalmente é causado por estresse, alterações do corpo devido a medicamentos, abuso de álcool e drogas ou predisposição genética.
Como em outras doenças, na Síndrome do Pânico há um desequilíbrio no organismo, na maioria das vezes relacionado a estresse. E o estresse nada mais é do que um desgaste físico e mental.
Se pensarmos na nossa rotina diária, será que passamos mais tempo trabalhando, se preocupando com contas e problemas, ou descansando, indo caminhar na praia?
Aí está o xis da questão: devemos balancear nossas atividades para ter uma vida equilibrada. E para isso proponho um exercício para você saber como está o seu dia.
Separe um papel e uma caneta. Assim que acordar amanhã anote o horário. Em seguida, anote quando entrar e sair do banheiro, ao se sentar para tomar café, ao sair de casa para o trabalho, quando para na hora do almoço, se parar para fazer exercício ou conversar com alguém e assim sucessivamente.
Faça isso com todas as suas atividades, desde manhã até o dia seguinte. O objetivo é saber quantas horas do seu dia você gasta com sono e descanso, lazer, trabalho e estudo, exercícios, higiene e alimentação.
Conte quanto você gastou com cada um desses tópicos acima. O resultado deve ser equilibrado, com aproximadamente oito horas de sono e descanso, três horas de lazer, oito horas de trabalho e estudo, uma hora e meia de exercícios, uma hora e meia de higiene e duas horas de alimentação.
Se o seu dia estiver muito diferente dessa proporção, tente rever suas atividades. Avalie o que vale mais: dinheiro ou qualidade de vida? E lembre-se de que nada adianta ter uma boa conta no banco se não tiver tempo e saúde para aproveitá-la. Esse é o primeiro passo para diminuir o estresse e se afastar da Sí

Imagine que você está na fila do supermercado e sem motivo começa a suar frio, a sentir um aperto no peito, um nó na garganta, falta de ar e seu coração ameaça sair pela boca. Não há motivos racionais para se sentir assim, mas o medo continua a se espalhar pelo seu corpo e você sente que sua pressão está diminuindo.

Mesmo pensando em tudo o que aprendeu para lidar com esse problema – como respirar fundo, contrair e relaxar os ombros – você só consegue pensar em sair correndo desesperadamente.

Grosso modo, isso é o que sente quem tem uma crise de Pânico, problema que normalmente é causado por estresse, alterações do corpo devido a medicamentos, abuso de álcool e drogas ou predisposição genética.

Como em outras doenças, na Síndrome do Pânico há um desequilíbrio no organismo, na maioria das vezes relacionado a estresse. E o estresse nada mais é do que um desgaste físico e mental.

Se pensarmos na nossa rotina diária, será que passamos mais tempo trabalhando, se preocupando com contas e problemas, ou descansando, indo caminhar na praia?

Aí está o xis da questão: devemos balancear nossas atividades para ter uma vida equilibrada. E para isso proponho um exercício para você saber como está o seu dia.

Separe um papel e uma caneta. Assim que acordar amanhã anote o horário. Em seguida, anote quando entrar e sair do banheiro, ao se sentar para tomar café, ao sair de casa para o trabalho, quando para na hora do almoço, se parar para fazer exercício ou conversar com alguém e assim sucessivamente.

Faça isso com todas as suas atividades, desde manhã até o dia seguinte. O objetivo é saber quantas horas do seu dia você gasta com sono e descanso, lazer, trabalho e estudo, exercícios, higiene e alimentação.

Conte quanto você gastou com cada um desses tópicos acima. O resultado deve ser equilibrado, com aproximadamente oito horas de sono e descanso, três horas de lazer, oito horas de trabalho e estudo, uma hora e meia de exercícios, uma hora e meia de higiene e duas horas de alimentação.

Se o seu dia estiver muito diferente dessa proporção, tente rever suas atividades. Avalie o que vale mais: dinheiro ou qualidade de vida? E lembre-se de que nada adianta ter uma boa conta no banco se não tiver tempo e saúde para aproveitá-la. Esse é o primeiro passo para diminuir o estresse e se afastar da Síndrome do Pânico.

(Texto publicado originalmente por Mariana Fulfaro no Jornal do Marapé, de Santos, na edição de maio de 2010)

211 respostas para “Síndrome do pânico: o extremo do estresse”

  1. Marcia diz:

    Desde meus 22 anos tive um problema com uma anestesia odontológica e fiquei muito mal depois disso fui ficando cada vez pior ate ser diagnosticada com depressão grave, fiz tratamento com remédios, chás e exercício por 3 anos fiquei curada com alguns picos durante alguns momentos, mas que passavam tive uns 18 anos com 90% de cura, mas agora com 40 anos apareceram sintomas comecei parecendo que ia apagar, coração disparando do nada, muito cansada e com falta de ar, acordando sufocada, e uns pulos constantes no coração como se fosse parar,como se estivesse desregulado, as vezes as palpitações duram 20 dias seguidos, depois normaliza do nada as batidas, já fui em vários médicos só que quando faço o exame não aparece o problema, no eco sai dentro dos limites da normalidade, parece coisa de outro mundo, tenho medo de ser algo que os médicos não sabem, queria saber se alguém também tem essas batidas estranhas no coração e se duram dias seguidos. Grata

    Responder

  2. Jacintac diz:

    Tive estes problemas e muito mais. Fiquei imternada 3 dias cpm fortes for no peito ate q descobritam w por conta do stress estava com prolspso da valva mitral. Tive depressao e sinda sofro do panico. Melhorei 80 porcento. Tive q procurar ajuda psiquiatrica e psicologica. Hoje faco terapia wue mr sjuda bastante. Continuo tomando paroxetina e rivotril. Pois cheguei so fundo do poço por não procurar ajuda. Cheguei num estagio que não conseguia nem rezar. Hpje só nao estou melhor porque sinda nao estou faxendo nada por mim. Como caminhada, exercício físico . Coisas q goste. Esta semsna minha cardiologista recomendou yoga. Ela disse que ajuda muito na ansiedade. Ainda nao me consifero uma pessoa normal. Mas com a graca de deus voltsrei ao normal. Só que nao querendo abraçar o mundo doxinha e resolvendo o problema de todos que estão ao meu redor. Pois foi pir querer sjudar a todos. Colocar todos em primeiro lugar que estou como estou..

    Responder

  3. alessandra viana diz:

    tambem sinto com frequencia meu coraçao da uma paradinha me deixam sem ar logo passa ai me da uma vontade de faser xixi fico com uma leseira na cabeça e horrivel tudo o que estou sentindo pesquiso na internet tudo o que eu sinto o que pesquiso e infarte angina eu fico de um geito so deus pra me ajudar

    Responder

  4. alessandra viana diz:

    venho sentindo a mais de dois anos me sinto com tonteira injoo dores nas costa na escapula sempre do lado esquerdo todo santo dia ja me levando com sensaçoes estranha e tao ruim ja fiz varios ecg fiz o ecocardiograma nao deus nada sinto aquele aperto no peito penço que vou morrer pressao arterial no quando tenho raiva que ela sobre sempre 15 por 10 as veses estou deitada me levando passando mal eu alto me socorro vou pra upa chegando la so me passam diasepan falam que estou nervosa mais eu nao estou nervosa alguem ai por favor me digam algo fiqueicom esse picos depois da morte de uma vizinha

    Responder

    • Paula Vilhena diz:

      Amiga sinto tudo isso tambem, logo eu que tinha uma vida normal, parei de sair , parei de beber… amiga isso é ansiedade, se tranquilize e não tome esses remedios, se controle, ponha na sua cabeça que vc não vai morrer. Isso vai passar. Tome remedios fitoterapicos, relaxe e caminhe.

      Responder

      • alessandra viana diz:

        muita agradecida paula vilhena e ruim de mais sentir esa coisa vou me tranquilisar e orar agora por nois muito obrigada

        Responder

  5. Grupo diz:

    Tel do grupo 17 992076983

    Responder

    • Sandro diz:

      Ola Alessandra tambem fiquei na epoca em 2005 sei bem como sao estes sintomas e horrivel…. mais posso te garanti que passa demora mais passa posso te garanti que vc nao vai morrer. normalmente botamos isso na cabeca e isso que deixa a gente mal.. oque vc tem que fazer e superar quando vc tiver andando sozinha e comeca a passar mal nao vai no medico siga em frente de vagar nos primeiros dias e dificil mais depois vc vai superando ate consegu… lembresse que vc nao tem nenhum probema naudfisica e sim um problema pisicologico por mais que seu corpo sinta dores no peito isso aparcedor e pontadas forte no peito. mais se o ecocardiohrama nao deu nada bola para frente….
      a pressao e normal ficar autta poque vc vai eata tenso isso nao quer dizer que.sua precao ta auta…..
      Boa Sorte…

      Responder

  6. Grupo diz:

    Grupo Whatsapp para experiencias e ajuda com Ansiedade,Síndrome do panico

    Responder

  7. SOLIMARA PEREIRA diz:

    ola tenho 19 frascos ,
    6 equibos la vita dieta ene
    teral
    um aacento para banho usado em cadeiras de rodas

    quem enterasar.
    051 084844012

    Responder

  8. Vinicius diz:

    Ola a uns 8 meses fui diagnosticado com hpv condiloma na area genital ….. nas primeiras duas semanas apos receber o diagnostico da doença eu fiquei pilhado e logo nao dormia a noite , tda hora tentando busca algo que me curasse na internet ou seja fiquei muito preso no mundo virtual tentando encontrar soluçao para o problema que havia adquirido e nda … e a sensaçao de que tinha algo na garganta só estava aumentando…. entao fui a um otorrino e deixei ele avaliar e disse q estava normal , entao foi feito uma nasofibroscopia e ele percebeu uma pequena alteraçao na parte posterior da garganta…. ae foi depois q falei que tinha hpv ae ele logo me falou que poderia ser tbem papilomatose ae é que fiquei mais pilhado ainda ….. resumindo alguem ja passou pelo mesmo problema de ter adquirido uma doença cmo a minha e ficou com essa sensaçao na garganta assim cmo eu?

    Responder

    • fabiano diz:

      eu faz um mes meio que me atacou ansiedade fiquei pessimo com papitacao dor no peito falta de ar sensacao horrivel fico com medo fui no medico clinico ele falou que e nao tinha nao so ansieddade e mandou passa psquiatra passei no psquiatra fala parei que sentia muito dor no peito falta de coracao palpitacao vinguei muito neurotico comecei a toma 50mg sertralina por dia 10 dias senao melhorace dobra dose agora to tomando 100 mg por dia estou tento uma leve melhora

      Responder

  9. Maria Paris diz:

    Olá , Ana você poderia me ajudar tenho medo de sair de casa, Penso que estou sendo perseguida guando vou para escola parece que todo mundo ta rindo de mim sendo que eu sofro com isso oque eu faço isso e um sinal pânico !!!!

    Responder

  10. Rogerio diz:

    Estou sentindo isso há 8 meses, fui em vários médicos já me indicaram setralina não resolveu , o ultimo me receitou reconter mas tenho medo de tomar remédio ! Alguém já tomou esse ????

    Responder

    • Andressa diz:

      Ola.. começei a sentir isso, é horrível, ja tem uns 3 dias que nao consigo dormir a noite, na hora que vou dormir vem uma falta de ar que parece que estou sendo sufocada, isso acontece toda hora. Nao sei mais o que fazer, vem um aperto no peito e acordo assuatada. Alguem ja sentiu isso? Por favor me ajudem.

      Responder

      • jeferson torres diz:

        Olá andressa, sofro desses problemas há algum tempo’ qualquer dúvida me chama no wats 087 9104-5102

        Responder

      • Carla Armenio diz:

        Oi Andressa ,sinto as mesmas coisas que vc quando pego no sono acordo sufocada com falta de ar e um grande aperto no peito também ainda não procurei ajuda mas a primeira coisa a se fazer é rezar e procurar ajuda espiritual acho que é depressão passei por poucas e boas,se tiver novidades a gente conversa bjs….

        Responder

    • Leonice diz:

      Oi Rogério,vi seu comentário acima. O meu médico também receitou-me Reconter,ele é um dos melhores antidepressivos atualmente, segundo meu médico. Estou tomando há uns 2 anos e eu me sinto melhor com ele. Acho que podes tomar sem medo e o melhor de tudo é que ele não dá reações. É um remédio um pouco caro. Mas não compra o genérico, pois não faz o mesmo efeito. Experiencia própria. Só não estou totalmente melhor pois estou muito sedentária e isso ajuda a complicar mais. Eu sei que tenho que mudar meu jeito de vida, sair mais, brincar mais e viver a vida de forma diferente. Nada melhor que estar com pessoas que gosta e em ambientes que te acalma. Evite tudo que te causa mal e te stressa. Fique bem.

      Responder

  11. Cassia.ap.t.da Silva diz:

    Eu não posso ficar muito tenpo em pé por qué sinto qué minha prisão caiu e comesei tremer parecia qué estava co fome e comesei suar fril e meu filho de 2ano matando no peito porque senti isto

    Responder

    • kristal eloiza diz:

      Ola lilia vc deixou uma msm q achei pelo google e disse q se alguem quisesse trocar experiência com vc sobre sindrome do panico era entrar no seu face mais qual é seu face pq lilia cardoso tem varias rss

      Responder

  12. lilia cardoso diz:

    se alguma pessoas quiser troca esperiencia com a crises de panico , entre no meu facebbok lilia cardoso ok

    Responder

    • Monica diz:

      Ola lilia vc deixou uma msm q achei pelo google e disse q se alguem quisesse trocar experiência com vc sobre sindrome do panico era entrar no seu face mais qual é seu face pq lilia cardoso tem varias rss

      Responder

    • netynho diz:

      meu zapzap troca essas experiência horrível

      Responder

    • mislena diz:

      essa noite acordei assustada com tontura e com dificuldade de respirar acho qe pode ser sindrome do panico

      Responder

      • marco pires diz:

        ola, olha comigo acontece estes mesmos sintomas que vc, acordo no meu da noite passando mal, falta de ar, sensaçao que vai morrer,e so acordar que os sintomas melhoram, sinto lado esquerdo do cerebro uma sensaçao ruim, tipo um repuxe, veia latejando, tonturas, o pior que eu vou mediar a pressao ela esta normal,subi num pe de manga e fiquei com medo, sera que estou com sindrome do panico.

        Responder

        • lucimar diz:

          Olá marcos eu sinto o mesmo que vc ,quando acordo passa os sintomas é horrivel…

          Responder

        • harley diz:

          eu sinto a msma coisa , vc encontru a soluçao?sinto isso a muito tempo , bastante preocupado me ajude obrigado zapp 7399398841 facebook Harley Pereira

          Responder

    • kely diz:

      p0w, eu sinto o sindro do panico

      Responder

    • kely diz:

      ola liliam eu sinto vc disse p/ te procourar no seu face , so q naum tem so vc com este perfil . lilia cardoso

      Responder

    • luiza_borges_126@hotmail.com diz:

      Ola lilia vc deixou uma msm q achei pelo google e disse q se alguem quisesse trocar experiência com vc sobre sindrome do panico era entrar no seu face mais qual é seu face pq lilia cardoso tem varias rss

      Responder

  13. Johnf235 diz:

    hi!,I love your writing so much! share we communicate more approximately your post on AOL? I need an expert in this space to resolve my problem. Maybe that’s you! Looking forward to peer you. keaefkgeedaf

    Responder

  14. Dani diz:

    Tive esse diagnóstico SÍNDROME DO PÂNICO há quase mês,mas já tinha um diagnóstico não tratado de ansiedade generalizada, mas enfim a muito tempo passando mal com taquicardia, medo mas nunca procurei tratamento…só q agora as crises ficaram pior é muito medo q as vezes saio do meu local de trabalho correndo e deixo pessoas na mão..pois tremo tanto,choro q parece q o mundo vai acabar e o coração então nossa parece q vai saltar pela boca..inicie tratamento há 10 dias com sertralina 50 mg, estava indo tudo uma maravilha td muito lindo, uma maravilha.. mas hj diz o médico já não sei mas de nada que o que eu tive hj foi uma crise de ansiedade..mas foi muito estranho…alguém por acaso já teve alguma assim? sensação de pernas queimando e q tivesse fazendo xixi? minha pressão tava baixa, palida, tremendo e taquicardia.

    Responder

    • Emerson Japa diz:

      Olá, estou passando isso nesse momento, já está completando 2 meses que estou nessa situação primeiramente aproximei de Deus minha fé está todo nele pois sentimos isso pelo fato de temer a morte mas ele já pagou por nós todos nossos sofrimento.

      Segundo ponto você tem que procurar o que está fazendo isso com você seja o que for trabalho, familia financeiramente etc….

      Terceiro ponto você entender que tudo isso não passa de parte psicológico, pensa comigo se tivesse algum problema de saúde não desencadearia tudo isso em um só corpo. Mas enfim agora estou procurando um psiquiatra e psicólogo pra tentar amenizar esses sintomas, mas aprenda entender sobre o problema que ajuda muito e se precisar estamos juntos!!!

      Melhoras…Abraços.

      Responder

    • Jacinta diz:

      Tive estes problemas e muito mais. Fiquei imternada 3 dias cpm fortes for no peito ate q descobritam w por conta do stress estava com prolspso da valva mitral. Tive depressao e sinda sofro do panico. Melhorei 80 porcento. Tive q procurar ajuda psiquiatrica e psicologica. Hoje faco terapia wue mr sjuda bastante. Continuo tomando paroxetina e rivotril. Pois cheguei so fundo do poço por não procurar ajuda. Cheguei num estagio que não conseguia nem rezar. Hpje só nao estou melhor porque sinda nao estou faxendo nada por mim. Como caminhada, exercício físico . Coisas q goste. Esta semsna minha cardiologista recomendou yoga. Ela disse que ajuda muito na ansiedade. Ainda nao me consifero uma pessoa normal. Mas com a graca de deus voltsrei ao normal. Só que nao querendo abraçar o mundo doxinha e resolvendo o problema de todos que estão ao meu redor. Pois foi pir querer sjudar a todos. Colocar todos em primeiro lugar que estou como estou..

      Responder

  15. Luca diz:

    Ja sofri de ansiedade eu sav agitado ficava sem ar e suava e queria sair do llcal correndo ainda mais quando tinha muita gente ai fui no medico e ele me passou um remedio chamado calma que me melhorou e tambem aplendi uma tecnicca de orga vc colocaa um dedo num buraco do seu nariz e respira e apira pelo buraco o do nariz que esta aberto

    Responder

  16. Ana Carolina diz:

    Olá pessoal tudo bem? Sofro de Sindrome do Panico e Ansiedade Generalizada tomo rivotril e parei a alguns dias e me deu crises fortes! Agora voltei a tomar…só que de uns dias para cá e eu já tive isso antes sinto uma sensação de falta de ar o dia inteiro, é horrivel como se tivesse pesada a respiração, como se fosse mecanica e eu ficasse concentrada nisso, pensando nisso, mais tenho sensação de falta de ar o dia todo e tem uns picos onde é mais forte e menos, sinto suor nas mãos, coração acelerado e uma sensação de irrealidade despersonalização, pernas bambas!
    Gostaria de saber se alguém tem essa sensaçao de falta de ar por dias!!! Porque estou preocupada!
    Obrigada

    Responder

    • Bruno diz:

      Oii Ana , ja sofri crise do panico algumas vezes, melhorei e hoje voltei a sentir , procurei um psiquiatra novamente e vou procurar psicologo , algumas horas do dia sinto essa falta de ar , aperto no peito , as vzs tonteira , muito ruim , uma senssao de desespero , medo de tudo , de morrer … meu psiqui me passou rivotril 0,5 antes de dormir e caso tenha crise de ansiedade rivotril 0,25 em baixo da lingua, tenho muito medo de tomar esse remedio , vou procurar melhoras as coisas do meu dia a dia que eh oq me fez voltar a ficar assim antes de tomar o remedio , se tiver novidades pra trocar e tentar nos ajudar seria legal , até mais .

      Responder

      • Ana Carolina diz:

        Voces sentem sensação de irrealidade como se tudo fosse irreal?

        Responder

        • Otavio diz:

          Eu sinto a mesma coisa ana, eu trabalho no terceiro turno e acho que meus nervos estão muito desgastados e sinto essa sensação de irrealidade. hoje de manha me deu uma crise eu nao consegui ficar mais deitado na cama eu tinha que sair algo me incomodava e eu tinha até sensação ansia de vomito fui tomar banho com muito custo pois parecia que nao controlava meu corpo depois fui caminhar com a minha cachorra para fazer algo pois se eu fica-se parado a sensação me agoniava, horrivel! Eu fumo maconha a mais de 1 ano não sei se tem algo haver pois oque eu sinto ja vem desde os 17 anos mais o menos, so que não era com essa intensidade!

          Responder

    • Elayne diz:

      Oi Ana, estou assim exatamente como vc, é um medo muito grande de morrer de parar a respiração, eu passo o dia todo assustada com a respiração curta um desespero total, meu medico passou exodus para eu tomar para depressão e quetros para eu dormir, nos primeiros dias eu sentia uma felicidade imensa, agora ta tudo piorando, e eu ja não sei mais o que fazer tento me distrair mas não adianta, esta sensação de ar curto de gelado no tórax me incomoda muito. to no meu limite. não sei mais como agir, ja fui em vários médicos. ta difícil, Deus precisa olhar por nós. Eu queria poder te ajudar, sei o quanto é ruim viver assim. me adc no face. Elayne Cristina Capilé (Layna). abraços

      Responder

      • rogeria diz:

        oi pessoal boa tarde tbm tenho esse problema JA quase um ano e horrivel mas tbm procurei tratamento a pisiquiatra passou pra mim cloridrato de fluoxetina pra controlar a ansiedade dia a dia e o eutonis a noite me controlou bastante.sao remedios que nao sao viciantes mas agora eu mesmo estou tentando ter alto controle e dificil mas me apego muito com Deus ele e meu socorro bem presente na minha angustia.fiquem com DEUS.MELHORAS PRA TDS.UM ABRAÇO

        Responder

      • Andresa diz:

        Nossa,estou passando mal a mais de um mes,fazendo exames cardiológicos.Os dois primeiros exames, o eco doopler e o teste ergometrico não acusaram nada.O dr me pediu um novo exame chamado holter,vou faze lo dia 4 ainda.O fato é que tomei rivotril sub lingual e agora estou tomando oolcadil,mas é mesma coisa de nada.Sinto muita falta de ar,palpitações meu coração parece que da uma falha 24 hs por dia e dor no peito.Não sei mais o q fazer, estou desesperada.

        Responder

    • marcia oliveira diz:

      sinto exatamente isso e mais choques na cabeças que quase caiu !

      Responder

  17. sarah diz:

    OI…nossa faz 12 anos que passo por isso sinto tantas coisas que nem sei por onde e como começar mais sinto tantas dores no peito uma falta de ar meu peito arde minhas costa meus braços tudo em mim doi ja fiz exames ecocardiograma esteira holter não deu nada mais sabe não aguento mais por deus do céu é horrivel uma sensação de morte o pior que ninguem acredita em vocé nem mesmo os medicos por que é tanta dor em uma unica pessóa sinto isso todos os dias …e não importa posso estar trabalhando posso estar sentada posso estar conversando nunca passa não tenho paz a 12 anos de verdade não sei mais o que fazer..me ajudem quem puder..

    Responder

    • Mariana diz:

      Oi Sarah….

      Me sentia assim como vc, alias ainda sinto mais com menos frequência… me passa seu e-mail para que possamos trocar experiências e quem sabe poder te ajudar.

      Abs,

      Responder

      • Silvia Sampaio diz:

        Oi Sarah!
        Considero esta doença como o mal do seculo, eu estou assim, mas nao nasci assim. Busco qualidade de vida, as vezes quero ficar sozinha, as crises sao horriveis, nao desejo pra ninguem. Se puder me de umas dicas, pois do fundo do meu coração quero me libertar e ajudar outras pessoas.

        Responder

      • Silvia Sampaio diz:

        Oi Mariana!
        Sou cristã, tenho uma familia maravilhosa, e eu acho que eles nao merecem estas minhas crises. Sao pensamentos negativos, ja entortei os dedos, ja arrombei porta de sala de medico, quando cheguei nao era nada. Eu nao desejo pra ninguem. Mas EU CREIO QUE DEUS SO DA A CRUZ PRA QUEM PODE CARREGAR. E eu creio Nele, quero ser liberta e usar do meu sofrimento pra ajudar outros. Não sei o que fazer, acho que vou procurar o CAPS, pois o tratamento e gratuito, e estou sem trabalho, pois isto afeta tudo em nossa vida. DEUS ESTA NO CONTROLE! Ajudem-me se puder!

        Responder

        • Valdirene diz:

          Concordo com vc Silvia!

          Responder

        • Valdirene diz:

          Ele te libertará com certeza!

          Responder

        • Paola diz:

          Procure os neuróticos anônimos, eles tem me ajudado muito. Leia também um livro chamado fim do pânico, onde o autor ensina a técnica do movimento único para controlar os ataques de pânico. Sei que cada caso é diferente, mas pra mim é o que está me ajudando. Além de ter muita fé em Deus e orar muito.

          Responder

        • geremias diz:

          Oi Silvia, boa noite sei bem o como está sofrendo pois tenho estes sintomas a 18 meses e me recusei a tomar qualquer tipo de remédio “drogas” já tive crises muito forte a ponto de sair de casa de madrugada corendo para o médico com medo de morrer simplesmente um filme de terror, tenho melhorado muito com algumas técnicas que eu mesmo desenvolvi, pois parasse algo que ninguém entende por mais que agente explique, compartilho do seu sofrimento, se precisar conversar pode me ligar geremias 965066286 oi 959168471tim fique na paz de jesus.

          Responder

        • lilia cardoso diz:

          oiiiiiiiiiii eu desidi para ocom o rivotril ,, ja faz 5 meses que parei por conta propria ,só que tenho que aquentar as consiguencia , sinto de tudo dor em varias lugares , falta de ar , bolo na garganta , sensação de desmaio, agora estou sentido dor no peito e dormencia no praço , mais finjo que nada esta acontecendo , levo os meus pensamentos pra outras coisas.

          Responder

      • Elisangela diz:

        Olá Mariana, podemos nos falar também? Estou com um problema muito parecido. Obrigada

        Responder

      • Régila diz:

        Olá Sara sinto tb estes tipos de desconfortos dores no peito que desce pra braço ombro costas sensação de morte é pessimo isto, não sei que faço é uma depresão horrorosa me passa seu email pra gente poder conversar sobre isso talvez possamos nos ajudar ok! Fique com Deus.

        Responder

      • keli diz:

        keki lande, tbm preciso de ajuda regina

        Responder

    • natalia sales diz:

      ola querida também passo pelo mesmo problema infelizmente há 10 anos, porque minha mãe também tinha, é horrível sinto muita falta de ar e medo de morte iminente, a sensação é de terror, só quem passa é que entende, mais não se apavore, tem remédios p isso! procure um psiquiatra bom e conte oque você sente, ele ira te passar medicações contra essa síndrome de panico e você ira melhorar, outra coisa procure um psicologo e converse com ele isso ira te ajudar muito… e não esqueça de ter uma boa alimentação faça exercícios regulamente, e esteja sempre perto de pessoas que você ama…você vai ver vai se sentir bem melhor! bejinhos ! melhoras!

      Responder

      • elaine diz:

        eu nao aguento mais tb eu em casa estou bem .quando eu vo sair do nada começo passa mal …eu nao sei o que e isso sinto uma queimação rapido no rosto minha mão começa suar frio meu coração fica abertadinho uma sessação muito ruim nao sei o que faze so deus pra mim cura eu tenho medo de sair pq eu vo passa mal eu nao era assim o que eu faço quero ser curada…meu marido fica chateado mais eu nao tenho culpa ..quero minha minha vida de volta…pesso que ora por mim obrigado fique todos na paz

        Responder

    • elaine diz:

      eu nao aguento mais tb eu em casa estou bem .quando eu vo sair do nada começo passa mal …eu nao sei o que e isso sinto uma queimação rapido no rosto minha mão começa suar frio meu coração fica abertadinho uma sessação muito ruim nao sei o que faze so deus pra mim cura eu tenho medo de sair pq eu vo passa mal eu nao era assim o que eu faço quero ser curada…meu marido fica chateado mais eu nao tenho culpa ..quero minha minha vida de volta…pesso que ora por mim obrigado fique todos na paz

      Responder

    • sandra cristina diz:

      Pessoal me sinto do mesmo jeito que vocês,o meu marido acha que é mentira,já fiz varios exames tudo que vocês possa imaginar e não deu nada,penso que vou morrer,perco o sono me dar tontura,falta de ar,aperto no coração e até ânsia de vômito.Tenho medo de ficar só e até sair na rua ou viajar não sei o que fazer se alguém puder me ajudar ou até mesmo conversar comigo eu agradeço de coração.

      Responder

      • GRACILENE diz:

        TENHO CRISES HORRÍVEIS DESTE DO ANO PASSADO.ANO PASSADO FUI NO CARDIOLOGISTA DUAS VEZES FIZ VÁRIOS EXAMES E NÃO DERAM NADA E O CARDIOLOGISTA DISSE QUE NÃO TENHO NADA, MAS MESMO ASSIM NÃO ACREDITEI…SINTO FALTA DE AR CONSTANTEMENTE, APERTO NO PEITO,TENHO UMA ANSIEDADE FORTÍSSIMA, ESTÁ ME TIRANDO O SONO…OLHO DE UM LADO PARA O OUTRO E PENSO TODO FELIZ E SÓ EU ME SENTINDO PÉSSIMA…NO MEU CASO TEM UM AGRAVANTE NÃO CONTO COM O APOIO DA MINHA FAMÍLIA, PENSE COMO É DIFÍCIL LIDAR COM ESSAS CRISES QUE NO MEU CASO SÃO RECORRENTES..MUITO RUIM,SINTO-ME MUITO SOZINHA BUSCO FORÇA, MUITA FORÇA EM DEUS…FAÇO ACOMPANHAMENTO PSICOLÓGICO MAS NO MEU CASO NÃO ESTOU VENDO RESULTADO,TOMO REMÉDIO E NADA,JÁ PEDI PARA O PSIQUIATRA MUDAR A MEDICAÇÃO E O MESMO DISSE QUE NÃO…ACABEI DE TER UMA CRISE, MINHAS CRISES SÃO QUASE TODOS OS DIAS E TENHO MAIS DE UMA CRISE POR DIA…SENSAÇÃO ANGUSTIANTE,SOFRO DEMAIS…É UM TROÇO QUE DESCONCERTA O SER HUMANO,MUITAS VEZES TENHO MEDO DE FICAR NO MEIO DAS PESSOAS,OUTRAS VEZES DE FICAR SOZINHA…MUITO DIFÍCIL…NÃO SEI O QUE FAZER NO MEIO DESSE TURBILHÃO DE INFORMAÇÕES QUE MINHA MENTE RECEBE…TENHO DEPRESSÃO…ESTÁ SENDO MUITO COISA PRA MIM…TEM MOMENTOS QUERO DESISTIR DO MEU TRABALHO…EM OUTROS MOMENTOS ENCONTRO FORÇAS LÁ…SÃO MUITAS AS PERTURBAÇÕES…TUDO ME ABALA SE UMA PESSOA OLHAR PRA ME COM A CARA RUIM JÁ É MOTIVO PARA UMA CRISE,SE FALAR ALGUMA COISA A CRISE É PIOR AINDA…NÃO VEJO SENTINDO NAS COISAS QUE RODEIAM-ME…ACHO QUE ESTOU CHEGANDO AO FUNDO DO POÇO,DEUS PERMITA QUE NÃO.MAS DO JEITO QUE OS FATOS ESTÃO ACONTECENDO…NÃO TENHO COM QUEM CONTAR…SE POSSÍVEL ME ADICIONE NO FACE PARA CONVERSARMOS…FACE:gracivasconcelosgomes

        Responder

    • claudia diz:

      sarah eu tambem tenho algo parecido os medicos tambem nao acham nada entao isso significa que um pouco e psicologico coisas da nossa cabeça !! outra coisa vc vai em uma igreja evangelica que vc vai se sentir melhor ! ore pssa p deus te ajudar sempre deseje o bem ate mesmo p quem te odeia vc vai se sentir bem e ajuda pq vc pode ta outra coisa nao pensa que vai morrer pq se tivesse que morrer ja teria morrido estou te falando assim pq eu quero tee ajudar a ter conciencia da situaçao para que vc possa se corigir desses pensamentos ruis e dessas dores ok espero poder te ajudar com minhas palavras um beijooo fica com deus

      Responder

    • Julia diz:

      Oi Sarah! Eu também passei por isso e fiquei assim quase 15 anos… As vezes aindo sinto algumas coisas … Me passa o seu email? Vamos conversar!

      Responder

    • erika diz:

      sei bem o que é isso amiga , meu irmão faz tratamento há 10 anos e só piora eu falava q era frescura e agora sei q não pq passo pela mesma situação tudo começou qnd um amigo muito proximo morreu de infarto fulminate desde então todos os dias eu acho q estou infartando sinto todas as dores no peito no braço falta de ar tenho um bolo na garganta q não passa sinto q vou desmaiar n saio mais sozinha e n consigo pegar onibus dificil viver assim mas sei q Deus vai tirar dessa

      Responder

  18. Rodrigo diz:

    estou sofrendo com isso já tem 8 meses. As crises começam do nada posso estar pescando, trabalhando…etc.
    Nao tem hora para acontecer minha boca trava nao consigo falar normalmente minhas maos e barriga formigão as vezes quando as crises sao mais fortes eu entorto tudo minhas maos e pés se contraem e nao consigo mexer fico tudo torto mesmo é horrível.
    no momento estou em tratamento mais ainda tenho crises.
    Muitas pessoas quando passam por isto nao se recuperam, mais gente confie em deus e siga em frente enfrente o problema que tudo dara certo um abraço a todos

    Responder

    • erika diz:

      teve uma vez q eu tive uma crise muito forte e achei q tava infartando n conseguia me mexer de tanto q meu corpo formigava fiquei muito mal e só passoou depois q me deram calmante

      Responder

  19. Mara diz:

    Convivo com uma pessoa q tem esse problema, e não sei como conviver com isso. É muito complicado, o q eu faço!! Ele tem crises horríveis, toda hora diz q vai morrer, quando vai malhar, quando sai de casa, toda hora Er suando frio, esse problema pode matar?? Ou da as crises e depois passa e pronto!! ??

    Responder

    • claudia diz:

      mara vc precisa entender essa pessoa e sempre apoiar se ela for contrariada e pior c ela quer ir ao medico leva rapido nao perde tempo mas nunca deixa de falar que isso nao mata ninguem pq c nao ela ja teria morrido tens que bater a real para a pessoa fica fazendo uma massagem nas costas perto dos ombros isso ajuda a pessoa relaxar eu volta e meia vou parar no pronto socorro fico em panico choro ando de um lado para outro nao consigo relaxar entao pessoa para a pessoa que esta comigo fazer massagem dai entao começo a reaxar resumindo so olho p a cara do medico e volto feliz so tenho dificuldade p me alimentar entao como frutas ou sopa me caem bem quando estou sensivel espero ter ajudadado beijoo fiquem com deus

      Responder

  20. silvana diz:

    Deus liberti a todos desse mal que acaba com sonhos desejos e vontades senhor realiza um milagre em nossas vida

    Responder

    • Nayara lonedja macedo diz:

      E mesmo senhor….nossa eu sofro mt com esses ataques estranhos nossa e horrivel d+ vou ao medico nada de anormalias so msm anemia q foi acusada gracas a deus mas parece que algo nao deixa eu acreditar que nao tenho nda sempre vem no pensamento que tenho alguma doenca grave ain e horrivel me ajudem me digam oq axa disso e ou nao e sindrome do panico?

      Responder

      • Mariana diz:

        Oi Nayara….

        Me sentia assim como vc, alias ainda sinto mais com menos frequência… me passa seu e-mail para que possamos trocar experiências e quem sabe poder te ajudar.

        Abs,

        Responder

  21. silvana diz:

    Vou uma vitima da depressão e tenho orado por todos que estão sendo vitimas também acredite e preciso ser forti para vencermos esti mal vamos clamar a deus e ele com certeza nos ouvira pois ele e o dono da vida e diz eu vim para que tenham vida em abundância

    Responder

  22. Letícia Leitte diz:

    Bom eu creio que eu tenho esse problema, porque quase toda hora sinto um aperto muito forte no peito um medo, parece que algo de ruim vai acontecer me dar um frio no corpo inteiro, e muitas vezes é isso que acontece, acontece coisas ruins e fico com mais medo ainda. Sinto muito medo .

    Responder

  23. Aline Cristina diz:

    Ola !
    Bom a uns 8 meses atras sofri de crises pois passei ao psiquiatra e cardiologista pois gracas a deus nada deu nos exames q fiz. Bom hoje em dia nao sofro tanto as vezes me da uma sensação ruim mais tento me destrai e ficar calma. Pois de vez enquando aparecem algumas coisas como quando estou dormindo ou ate mesmo dormindo da uma sensação de umas ondas do peito ate na garganta e parece me sufocar e meu coração parece acelerar isso me faz ficar um pouco desconfortável e me da um medo e tanto pois so queria saber se isso faz parte do sindrome do panico. Se alguem puder me ajudar agradeço pois fico preocupada.
    Obrigada.

    Responder

  24. kaysha diz:

    ola meu nome é kaysha e acho que tenho síndrome do pânico relacionado ao estresse causado por vários fatores,e queria saber se tem como me livrar disso ja tive uma atrás da outra uma vez quase me cortei e não acaba estou pirando e preciso de ajudar não pensar em quase nada senão acontece do nada,me ajuda?

    Responder

  25. Sheila diz:

    Boa tarde, Mariana.
    gostaria de pedir a você um conselho pois não sei mais o que fazer.
    tenho 23 anos, minha mãe sofre de depressão e não aceita ajuda de forma nenhuma, foi enternada várias vezes, as últimas vezes ficou nem um mês internada, ela mora sozinha pois como ela sofre de depressão tenho medo dela pois tenho filho pequeno. Ela ta calsando vários transtornos a família, já tentamos que ela fizesse vários tratamentos gratuitos mais ela não aceita, o estado dela não é bom, delíra muito inventa histórias absurdas,muitas vezes é agressiva e não tenho condissões de dá a ela um tratamento particular, de tantos problemas que acabou gerando, chegou até o fim do meu casamento, ela tem 54 anos. gostaria de saber como devo proceder.

    Muito Obrigada pela sua atenção

    Responder

    • silvana diz:

      Querida eu tenho depressão acrediti e difícil o melhor caminho e deus busque por ele só ele podia nos fazer um milagre

      Responder

  26. GABY diz:

    SOFRO DE DEPRESSÃO E SINDROME DO PANICO, TENHO MEDOS, SINTO NAUSEAS, AS VEZES QDO LEVANTO DÁ TONTEIRA, DORES PELO CORPO, MEDO DE MORRER OU PODER TER UMA DOENCA GRAVE, SUORES, ENXAQUECA, TREMORES ESPASMOS E FORMIGAMENTOS NA MAOS, COMECEI A TOMAR PAROXETINA, MELHOROU, O REMEDIO ACABOU, AGORA TENHO QUE FAZER NOVA CONSULTA COM A PSIQUIATRA, TENHO QUE ESPERAR POIS ELA SÓ ATENDE UMA VEZ POR MES AONDE TENHO CONVENIO! QUE DEUS NOS PROTEJA,E QUE POSSAMOS VIVER EM PAZ E MELHORAR A CADA DIA!

    Responder

  27. Danielle diz:

    Apesar de aparentar viver uma vida absolutamente normal eu também sofro desse mal terrível desde meu 6 anos antigamente tinha vergonha de admitir ou de falar sobre esse assunto, mas hoje eu estou cansada!!! cansada de fingir q sou normal sendo q não sou apesar de ser cristã creio em Deus e no seu poder isso não nos deixa imunes os meus sintomas são: medo, palpitação,choro sem motivo compulsão por sono e alimentos, não falo em publico,dificuldade de se expressar e de relacionamento seja eles íntimos ou profissionais,desejo de morte e vingança pessimismo desanimo a causa desta incansável doença foi um trauma de infância quando eu tinha 6 anos,não vou publicar pois não quero mim expor mas oro e torço pra que todos q estejam sofrendo com isso sejam livres pois síndrome do pânico,depressão todos esses transtornos se não cuidarmos será uma prisão pra nossa vida e nossa alma

    Responder

    • adriana diz:

      Danielle também sou cristã e sofro dos mesmo sintomas que vc falou no seu cometário mana e terrível,ja não aguento mais …sinto palpitações constantes . mais se Deus permitiu a ferida Elle mesmo vai sarar .

      Responder

      • silvana diz:

        Querida eu tenho depressão acrediti e difícil o melhor caminho e deus fazer um milagretambem sou evangélica mais deus deixou o medico para cuidar di nos o meu filho tinha apenas 5anos quando começou eu decidi ir atras de tratamento por caus dele ele precisa di mim e quando Jesus qui er mi cura edtarei pronta esperando por esse milgre

        Responder

  28. Renata diz:

    Eu sinto não sei se é medo ou vergonha DE SAIR NA RUA EU ANDO PARECE QUE TODOS ESTÃO ME OLHANDO.QUANDO FICO MUITO NERVOSA ACABO SUANDO FRIO COM ASENSAÇÃOQUDE VOU DESMAIAR.QUANDO LEVANTO DE MADRUGADA É SO SENTIR O CHEIRO DE CAFÉ ME DA ESTOMAGO RUIM MAS NÃO É GRAVIDEZ PORQUE ISSO JÁ VENHO SENTINDO FAZ MAIS DE ANO E É SO DE MADRUGADA.me ajudem adecifrar qual é o meu problema

    Responder

    • adriana diz:

      Renata quando vc se acorda pela madrugada Ore ao SENHOR e leia a Bíblia,Eu faço quando estou com crises e digo ha vc que Eu melhoro muito. vamos crer no Deus que tem poder

      Responder

  29. Andréa diz:

    Bom dia

    Descobri que tenho sindrome do panico no ano passado ,tive varias crises de falta de ar,quando ia para o trabalho ,so me queixo de uma decepçao que tive no trabalho e raiva no dia a dia ,fiquei muto stressada,sem paciencia com vontade de sumir e chorar.de la pra cançao tive mais saude e ainda contiuno no mesmo emprego,me stressando ,fiz tratamento psiquiatrico,tomei remdeio controlado e resolvi parar porque estava me dando muito sono e nao conseguia trabalhar direito e parei a te a faculdade .

    Responder

    • Renata diz:

      Olá,

      Descobri que tenho síndrome do Pânico e ansiedade generalizada ano passado. Trabalhei em uma empresa com uma pessoa muito complicada só em falar já fico querendo passar mal. Todos os sintomas acima eu tenho, e as vezes, nem uma propaganda de margarina eu consigo assistir pois já começa a falta de ar. Estou com alergia a tudo, pra vcs terem uma ideia do que a cabeça da gente é capaz, já faz 2 meses que tenho que fazer 2 canais em meus dentes.. as dores sao insuportáveis mas não são maiores do que o meu medo da anestesia, quando lembro que terei que tomar, já fico com o coração palpitando. Não sei o que fazer..o pior mal que se pode desejar a alguém é que ela tenha panico. Eu dei uma melhorada esses dias quando comecei a meditar, mas confesso que as vezes ficar 2 minutos sentada já é um martírio. Quando eu descobrir como melhorar, eu direi a vocês..por enquanto, força pra nós.

      Responder

      • Yara Villa Nova DDA diz:

        Ola pessoal ,espero de alguma forma ajudar a todos que leren .
        para comecar desculpa pela minha escrita mas hoje neste exato momento resolvir criar coragen da o fod… e escrever da maneira que consigo com a escrita certa ou errada ,eu sou mesma assim .( tavendo depois de ler vi varios erros mas nao da para ficar corrigindo si nao perco a onda do meu pencamento ok )Mais ou menos a 3 anos venho passando por varias mudancas na minha vida que vem deixando o meu dia a dia un extres e voce extressada ja viu , a pasciencia ocila o tempo todo a TPM entao potencializa tudo o (DDA) tamben so piora bem descobri meu PROBLEMA )problema mesmo pois esqueco quase tudo alias 80 porcento comecei ficar intolerante com coisas que quando estou bem nao estoro e o suor nossa , suo mais do que quando vou para academia e a cocera nunca tive alergia na minha vida agora tenho a lat da orticaria nervosa credo que feio ai mesmo que fiquei mais nervosa vendo aquelas bolinhas que pareciA que tinha agua varias bolinhas derrepente vira uma machinha que coca de acordo com o nivel do seu termometro de descontrole emocional do momento or raiva ou tristesa ou medo depre ou sentimento de imcapas menos amada ou ninguem me entende como ficaria mais calma se as firidias me deichava com marquinhas nas pernas e braco onde resolvese sair . .(aiaia to cocando toda)
        e respirar parece que meu naris ta trancado mas nao ta a sencacao e que tem uma Bobesponja no meu nariz calorao suadeira anoite tem dias que so queria dormir nao fazia mais o que gostava(COZINHA E FAZER COMPRAS)achava mil desculpa para nao ter que sai de casa ate buscar minhas filhas na escola era uma tortura quando ia achava que tinha alguem me seguindo ou que todo mundo me olhava brigava atoa com as pessoas que mais estavao proxima e no final achava que nao siguinificava nada para ninguem queria sumir com o tempo ja nao controlava nem mais minhas lagrimas .Entao procurei meu neuro psiquiatra que ja tratava do meu DDA ele me receitou um antideprecivo sertralin na hora que comecei a tomar Bummmm nao chorava mais todo mundo podia buzinar no meu ouvido que nada mudava meu eixo no 3 dia comecei ficar com muito sono muito mesmo voltei no medico e falei para ele entao voltei tomar a minha ritalina junto que tirou meu soninho do antideprecivo

        jente pulei quando comecei achar que tinha jente me seguindo o medico suspendeu a ritalina por 2 semans achou que poderia ser o remedio dai nao melhorou e comecou aqueles todos sentimento que ja falei e o chororo ai que ele passou o sertralin tomei o sertralin por 2 semanas como pediu e falou para voltar foi quando voltei e falei que estava melhor so que com sono dai que voltei a tomar a ritalina junto e tirou meu sono e tiri ferias uns 3 dias antes de acabar minhas ferias(06,09) acabou meu remedio sertralin Dai ate hoje estou sem voltei das veria melhor a suadeira aparece quando fico acelerada por exeplo to atrasada ai fico nervosa por exenplo a cocera agora ta forte pois estou nervosa por estar escrevendo mas prometi a mim mesma que iria tentar sem me cobrar se der deu e aprender que nao dou conta de fazer tudo de uma vez so para algumas pessoas e facil mas para outras nao se nao der tente depois ou dependendo o que for faca de outra maneira O segredo e voce tem que se conhecer e saber que asveses esta tudo potencializando porcausa deste sentimentos que esta en nossa cabeca e que estar noss calzando saiba que vai passar tem que descobrir algo que consiga te tirar esses pensamentos hoje minhas filhas estavao incontrolaveu meu marido so reclamava da desorganizacao dexei me descontrolar comecei a chorar e cocar e falei para meu marido puxa assim e dificil no momento que preciso que vcs nao critique muito ou obedencao para eu nao ter que ficar dando bronca toda hora para obedecer Falei sem remedio e difil sai de perto foi no banheiro olhei no espelho e falei so coisas boas positiva cantei alto e falei consigo sim e vou conseguir VIVA legria repirei fundo outra coisa exercicio fisico nosssa outro remedio que melhorava a serotonina mas lembre no comeco precisei do meu remedio e se voltar as crises volto no medico espero ter ajudado

        Resumindo:
        EXERCICIO
        REMEDIO
        FERIAS
        EXERCICIO DE RESPIRACAO (YOGA)
        LER SOBRE OS SINTOMAS PARA SE CONHECER MELHOR E SABER INDENTIFICAR O QUE SUA CABECA ESTA CRIANDO
        TODO DIA E UM NOVO DIA E HOJE FOI MAIS UM DIA QUE CONSEGUI :::

        Responder

  30. Amanda diz:

    Boa Noite !
    Eu tambem estou sofrendo com esse problema,desde o ano passado comecei a sentir muitos sintomas como:palpitação,falta de ar,formigamento no rosto e mãos,sinto dificuldade para engolir,enjô,tontura e muito medo de morrer .
    Parei de sair,tenho muito medo da sair de casa,e sempre penso q tenho alguma doença grave .. comecei a fazer o tratamento com uma pisicologa e tenho fé em Deus que ficarei totalmente curada em breve!

    Responder

    • joelma diz:

      amanda vc não sabe como eu me sinto mais aliviada quando eu leio estes casos igual ao meu,quarta-feira a noite a noite eu pensei que eu estava morrendo apesar esta passando por isso a dez anos esta foi uma das crises mais forte que eu senti e a pior parte foi esta de não consegui engoli,eu tentava tomar aguá e não descia ai que eu me sentia mais fora do controle ainda não desejo isto pra ninguem muito horrivél mesmo.

      Responder

    • Samia diz:

      Eu tenho 16 anos e acho q tanbem tenho a 3 meses tava sentido formigamento na cabeça e meu Tietê falou q Lídia se paralisia facial eu fiquei com muito medo aí piorou sentir essa dormência espalhando pelo corpo penssei q ia fica paralisada eu fui para o hospital com minha mae q mora longe eu moro com minha vo era deficil eu ver ela aí liguei chorando desesperada aí ele veio muito assustada e mim levou no medico fiz exames e nao deu nada e eu sentia ardo ao urina e ao ter relação ela passou exame de urina e quando fui mostra o resultado entrei em pânico eu pensava q ia dar uma doenca grave e nao deu nada e eu sou muito medroso tenho medo pensso q tenho doencas graves mais nao tenho fico muito anssiosa e tudo eu pensso q e doenca uma dor no dedo já pensso besteira que e doenca e outra coisa eu fugir com meu namorado e fui mora com ele na casa do pai dele q só mim umilhava mim botava para baixo o pior e q todo mundo fala q eu sou muito linda e ele e feio sabe e agüentei umilhacao dele por 2anos desde 13 anos meu namorado tem 22 e nao trabalha nem estuda depende do pai dele e ele mim bota muita pressão nao posso nem sai com minha mae nem estuda nem vesti roupa bonita ele e violento será q o q eu sinto e consequência dessa vida q levo minha mae fala para mim deixa ele só q eu mim apeguei ou e pena sei lá to ficando louca com isso sofro demais mim aconselhe por favor.

      Responder

      • adriana diz:

        samia minha princesa… esse ai não e de Deus. E também não e Amor.Amor não e isso .a Bíblia relata sobre o Amor…O Amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade, não se ensoberbece.
        Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal;
        Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade;
        Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. estar em 1 corintios 13

        Responder

  31. DONIZETTI diz:

    Percebi que muitas pessoas senti esse tipo de mal (síndrome de panico) Eu também venho lutando contra esse mal a 15 anos, o que mais me ajudou foi a Palavra de DEUS ( A BÍBLIA ) Jesus um dia antes de ser executado na cruz, sentiu síndrome de panico e o que ele sentiu foi uma aflição tão grande que a palavra esta em Lucas e Marcos que até suou sangue, e passou a noite toda pedindo para os discípulos orassem por Ele, porque a carne estava fraca e o espirito forte.
    e a sensação era de morte!.. esse mesmo Jesus falou : quem senti esse tipo de mal tem que sentir-se alegre porque pensa que esta fraco mais e só a carne que esta fraca porque o espirito fica mais forte.
    essa cruz um dia vai passar, não vai ser remédio que vai curar o que vai curar e quando você acreditar que Jesus vai levar nossa alma para a eternidade, onde la não vai mais existir esses tipos de doenças.
    amigos de panico nosso lugar não e esse mundo e sim o mundo onde Jesus esta preparando para nós, la não vai ter dor e sim paz e alegria. sinta feliz em sentir esse mal, muitas pessoas não senti nada e estão piores, matando crianças, matando os pais, roubando os outros…etc, enfim no livro de Tiago tem versículos que diz aquele que pensa que esta fraco e onde ele esta forte.
    porque uma pessoa neste estado e mais integro, correto e especial.
    vamos se unir e buscar Jesus como nosso medico, porque também esta escrito que Ele e o medico dos medico, agora estou melhor da minha crise de panico só em poder desabafar com vocês da palavra que e verdadeira e eficaz.
    Por isso que Jesus falou para os discípulos ( erras em não conhecer a palavra de Deus ) bom sono e que Jesus te abençoe.

    Responder

    • Wesley diz:

      Gostei do seu ponto de vista Donizetti, também sofro desse mal há mais de 5 anos e o cristianismo me ajudou e tem me ajudado muito, ao longo do tempo vamos desenvolvendo algumas técnicas para controlar os picos de ansiedade, mas ainda não me vejo livre. Mas não fosse assim, não sei se teria refletido a respeito de tantas coisas com a profundidade com que refleti ao longo desse tempo. Faço terapia e essa psicóloga disse que ainda não tem certeza desse diagnóstico, tomo as medicações e muita coisa ainda precisa ser resolvida, mas estou procurando manter o equilíbrio para conseguir seguir pelo caminho certo.
      Mas e você, como tem se sentido ultimamente?
      Acredito que cedo ou tarde nos veremos livres desse mal e ainda nessa vida, neste mundo, mas sem dúvida a minha esperança vai além disso.

      Abraços!

      Responder

    • Fernanda diz:

      Donizetti, que o Senhor te abençoe pois voce foi usado por Deus e Ele falou muito comigo quando li o que voce escreveu. Obrigada que todos aqui consigam vencer esse mal em nome de Jesus

      Responder

    • adriana diz:

      suas palavras me edificaram. Eu também aguardo esse dia tão especial um dia de morar no céu. a palavra do SENHOR tem me ajudado sempre,sofro desse mal,dessa doença espiritual, mais como vc disse ….vamos ser felizz Deus te abençoe querido! facebook Adriana garcia

      Responder

  32. nara diz:

    bom estou sentido a mesma coisa que vcs tenho 16 anos e isso é muito ruim nao tenho amigos…..entao fica meio dificio de mim distrair tem hr que penso que vou morrer etc…tou indo pra igreja por que tenho a certeza que deus vai mim curar desse mal por que so ele pode fazer isso tem semanas que estou bem outraas nao

    Responder

  33. Carla Karoline diz:

    Meninas, NUNCA, NUNCA, NUNCA, parem de tomar a medicação por opção própria.

    Se quiserem parar, conversem com o médico. Eu estou 90% melhor e ainda faltam duas caixas do Clopam pra mim, e irei tomar até o fim, porque NÃO quero sentir o que sentia antes.

    Isso é muito importante. Não parem a medicação, a não ser que seu médico concorde.

    Responder

    • elisete diz:

      carla tive minha primeita crise em 94 depois de varios exames diagnosticaram sindrome, não tomei medicamentos convencionais, fui para terapia e homeopatia foi ótimo estou curada e sem calmantes

      Responder

      • jill diz:

        EIA SOZINHO porque no passadoeu também não acreditava que iadar certo, mas… funciona mesmo!!! Entrei neste site e fiz esta prece. Fiz para ver se ia dar certo e deu, assim que acabei meu amor ligou. A pessoa que eucopiei também não acreditava mas para ela também funcionou! AGORA VEREMOS… Diga para você mesmo o nome do único rapaz ou moça com quem você gostaria de estar (três vezes)… Pense em algo que queira realizar na próxima semana e repita para você mesmo (seis vezes). Se você tem um desejo, repita-o para você mesmo (Venha cá ANJO DE LUZ eu te INVOCO para que Desenterre NO de onde estiver ou com quem estiver e faça ele ME telefonar ainda hoje, Apaixonado e Arrependido, desenterre tudo que esta impedindo que NO venha para MI, afaste todas aquelas que tem contribuído para o nosso afastamento e que ele NO não pense mais nas outras… mas somente em MIM. Que ele ME telefone e ME AME. Agradeço por este seu misteriosopoder que sempre dá certo. Amém…). Publique esta simpatia por três vezes , basta copiar e colar por três vezes em in forum diferente esta simpatia abaixo e logo em 48hs você terá uma linda surpresa, beijos Ainda esta noite de madrugada o TEU amor dará conta de que TE ama, algo assim acontecerá entre 1 e 4 horas da manhã esteja preparada para o maior choque de sua vida! Se romper esta corrente terá má sorte no amo

        Responder

      • Aline diz:

        Elisete, entre em contato comigo pelo email…estou com o mesmo problema e preciso saber como foi o processo de cura da sua sindrome…obrigada

        Responder

        • lucineia diz:

          amiga tava lendo aki vi tabem q vc teve sindromi de panico .entao tem filha de 17 anos tem? .qual exame q vc discobriu q vc tem esse problema

          Responder

  34. Carla Karoline diz:

    Bem gente, adorei o texto, e eu só tenho uma coisa a dizer sobre a Síndrome do Pânico, só sabe o que é REALMENTE quem sente.
    Para mim, a pior parte era a angústia, isso sim me matava, me destruía por dentro.

    O meu maior conselho, busquem um psiquiatra urgente. Até quando você sabe que tem algo errado, mas talvez seja cedo demais procurar. Eu estava assim, achava que era cedo demais procurar, mas mesmo assim marquei. Infelizmente a nossa situação da saúde não está fácil para ninguém. Apesar de ter plano de saúde, consegui um psiquiatra para 1 de agosto. Eu juro que se eu continuasse sentindo o que eu sentia até agosto eu iria ficar maluca, a minha sanidade iria embora, porque foi a pior sensação que tive em toda a minha vida, e o pior de tudo, uma sensação que você nem sabe o porque está sentindo.
    Graças ao meu bom Deus, houve uma desistência e consegui a consulta para ontem, e fui diagnosticada com a bendita Síndrome do Pânico.

    Eu acho que o pior de tudo, é que quando fala em angústia, você já pensa em depressão, aí piora tudo, a crise volta, um milhão de vezes aumentada, aí você vai no Google pesquisar e piora ainda mais as coisas.

    Meu conselho? Se isso é causado pelo stress, afasta isso de ti. Se não puder, como trabalho, por exemplo, tenta fazer ele um ambiente mais saudável para ti. Se o patrão permitir escutar música, escute algo que te relaxa, se não, faça umas massagens durante o dia, respire fundo, relaxe. Faça exercícios, Yoga, vá para a Missa, Culto, o que for, independente de religião, faça o que te faz bem e te traz alegria. Procure um psiquiatra ou um psicólogo, ou os dois. Converse, enfrente o medo de abrir a porta e veja tudo o que o mundo tem para nos oferecer.

    Infelizmente somos a geração stress, mas isso não vai nos impedir de seguir em frente, vivendo dia após dia, correndo pelos nossos sonhos.

    Sabe o que melhorava em algumas das minhas crises? Conversar com amigos, não sobre a doença, mas até sobre a crise financeira na Europa. Um ombro amigo pode ser a cura para muitos males.

    Responder

    • luana iara diz:

      nossa carla adorei o seu texto, pode ter certeza q me identofiquei com 90% do que vc falou….essa semana tive vária crises e de ontem foi a pior, amanha com certeza estarei procurando um psiquiatra, não estou maias sabendo lidar com isso sozinha sem calmantes…..

      Responder

  35. Hélio Gomes diz:

    A maioria dos profissionais tratam a os efeitos e não as causas. Provavelmente, a manifestação ocorre em virtude de traumas ocorridos na infância. Pessoas que sofreram abuso sexual, e não se lembram, Exposição excessiva a ambientes violentos, ter presenciado cenas de violência. A pessoa tem de buscar suas lembranças desde tenra idade, penetrar em sua própria alma com profundidade, e buscar apoio psicológico. Com certeza tem algo afetando o emocional, pois o ser humano normal e saudável, não pode adoecer desta forma inexplicável não
    abraços

    Responder

  36. Hélio Gomes diz:

    A maioria dos profissionais tratam a os efeitos e não a causa. Provavelmente, a manifestação ocorre em virtude de traumas ocorridos na infância. Pessoas que sofreram abuso sexual, e não se lembram, Exposição excessiva a ambientes violentos, ter presenciado cenas de violência. A pessoa tem de buscar suas lembranças desde tenra idade, penetrar em sua própria alma com profundidade, e buscar apoio psicológico. Com certeza tem algo afetando o emocional, pois o ser humano normal e saudável, não pode adoecer desta forma inexplicável não
    abraços

    Responder

  37. keila diz:

    Nossa, depois de ver tantos comentários, vi que (as minhas crises foram as piores que já vi). Comecei a sentir isso por meses sem fazer ideia do que era, pensei que o capeta queria me matar.Quando o medico disse o que erá tomei um susto e disse: O que? Eu? Não! o Sr. está enganado. Aí ele me deu um livrinho pequeno com os sintomas. eu quase não acreditei.eu sentia quase todos eles. meus sintomas são os mais aterrorizantes que já senti, vejam: como sempre do nada sentia uma leve vertigem, logo em seguida o coração bate muito forte e mais rápido. em seguida a tremedeira e um gelo precorria todo interior do meu corpo e permanece, daí minha boca, e as pontas dos meus dedos começam a formigar e em seguida a ficarem dormentes. Claro que já estou em pânico né? e continua… a falta de ar piora, o nó na garganta,aperto no peito e começo a ficar gelada também por fora, um picolé, e meus dedos começam a endurecerem e meu pescoço também, mais vertigens fortes minha vista começa a escurecer meu rosto formiga e fica dormente,meus ouvidos tampam parcialmente e ficam apitando, a sensação de dormência vai se espalhando por todo o corpo e meu maxilar trava sem eu conseguir falar, e mal consigo respirar e acho que vou desmaiar. Claro que a essas alturas eu penso que realmente vou morrer e o desespero é geral em casa. Então de tanto clamar a Deus que me acudisse os sintomas param de repente, total. Alguém já sentiu tudo isso junto? espero que não.meu médico me disse que a ciência descreve esses sintomas como os piores e mais aterrorizantes que um ser humano pode sentir. e não é p/ menos. Já faço tratamento a alguns meses e não senti mais, tomo 2 remédios. As consultas são muito caras mas vocês podem ir no CAPS e pegar os medicamentos de graça.o tratamento é longo. Mas até hoje ainda sinto medo de sair de casa e sentir isso por aí, e nunca saio só, mas sempre ando com meus remédios na bolsa, caso precise. tomando os remédios direito a gente pode ter uma vida normal. boa sorte gente! sempre procure um psiquiatra.

    Responder

    • rosangela diz:

      euc sinto as msm coisas q vc, do msm geito é horrivel, os medicos falaram q era labirintite ate fiz o tratamento…ate uma cardiologista descobrir, mais infelizmente ela falou pra mim ñ fazer tratamento nenhum por enquanto pq eu vou precisar fazer uma acocardiograma. estou aki com tds os sintomas sem poder fazer nada, parece q vou morrer a qualquer momento o pior q eu ainda tenho uma filha de 1 aninho pra cuidar, q deus nos abençoe pq essa doença e terrivel

      Responder

      • angelita diz:

        oi rosangela tundo bem eu tei sindrome do panico lunte nao deixa ele faser fose sofrer iso e coisa s=de nosa cabeca quando meda asreasao sento respiro fundo nao peso ajunda seviro sozihna tunta oela sua filihna eu tou lutando e vou venser com aforsa de deus isao que fais agente sofrer iso nao e duenca pensa mentos negativo sensao que vai morer mais nao more meu nome e angelita de oliveira entra no meu fece beijo luta

        Responder

    • marco diz:

      eu também carrego essa amargura em minha vida, sei que cometo faltas e pecado perante o meu Senhor embora me tenho esforçado, mas a ele peço misericórdia para tirar de mim este fardo tão amargo!.

      Responder

    • Monica diz:

      Eu senti isso esses dias, mas senti coração palpitar, frio, tremedeira e formigamento, fui pro pronto socorro a medica fez os exames e nada foi diagnosticado ansiedade assim como da outra ves, procurei ajuda psicologa e estou tratando, é horrível a gente fica sem chão eu tenho 23 anos, eu achava frescura mas não é, tenho medo de andar sozinha, mas mesmo assim enfrento meus medos, e se passou nervoso controlo minha respiração e encho meus pensamentos de coisas boas e rezo e os sintomas passam. Gente só Deus pode nos curar e eu sei que ele vai me curar ,

      Responder

    • Rose diz:

      Olá keila
      Acho que todos achamos que a nossa crise é a pior, e eu também acho. Meu médico me disse que nunca viu um caso igual, eu sentia tudinho o que vc descreveu mas com uma diferença: não passava de repente. Ficou por semanas, ininterrupto, até durante o sono (até me arrepio de lembrar), e eu não podia tomar calmantes porque aí então era como se eu estivesse em uma camisa de forças, sentido tudo e sem poder me comunicar prá reclamar. Meu marido ligava pro meu médico a cada meia hora e assim foi por exatos 2 meses… isto faz 4 anos e ainda tenho dificuldade de fazer tudo, não voltei ao trabalho e tem dias que nem saio de casa. Quanto tento fazer terapia passo mal por semanas logo na 1a. sessão, as vezes fico desesperada, achando que estou nun beco sem saída.
      Mas realmente não tenho dúvida que só Deus pode nos curar, não espero por um milagre repentino, tomo meus remédios (muitos) certinho e me esforço p/ enfrentar meus medos quase todos os dias.
      Não tem jeito, tem que tomar remédios, anti-depressivos, calmantes e até de outras linhas que não psiquiátrica, até o corpo dar sinal positivo.
      Não devemos esperar tudo passar sozinho, o tratamento médico é essencial, mesmo que demore, como no meus caso, quase a ponto de eu emagrecer tudo que podia e pensar que não tinha mais jeito (fiquei 2 meses sem praticamente conseguir me mexer, falar, comer até andar), p/ encontrar um remédio adequado.
      Depois sim, ir atrás do enfrentamento, terapia cognitiva comportamental, e p/ quem tem sorte, ajuda da família e amigos.
      Abraços e boa sorte a todos

      Responder

    • Jacqueline diz:

      olha eu sei bem como são esses sintomas terríveis diferente de vc não sentia meus ouvidos tapados mas os músculos do meu rosto tremiam tanto que meus dentes se travavam parecia que estava enlouquecendo e que estava fora d mim senti tb 90% dos sintomas quando falei para o médico ele disse como eu consegui passar por tudo isso sozinha, o meu pavor era tão grande, que eu pensava estar louca eu achava que aquilo me levaria ao suicídio e com medo de tirar minha vida ou sair correndo pela rua a fora, eu me trancava no quarto e jogava a chave pela janela e ficava passando mal sozinha tinha medo que minha mãe pensava que eu estava enlouquecendo. Mas para sair do quarto tinha que pedir a ela para pegar a chave e não tinha como explicar a forma que a chave caiu tão longe. Passei por momentos terríveis o medo tomou conta de mim de tal fora que no inicio tinha medo de mim achava que eu estava ficando louca e poderia fazer mal a alguém e por medo de ferir alguém pedia para que na hora de dormir as pessoas que dormiam comigo em casa trancassem a porta do quarto com chave e não abrissem por nada somente ao amanhecer o meu pavor era noturno com um tempinho o medo ganhou outras proporções eu não tinha so medo de fazer mal mas tinha muito medo que as pessoas da minha casa me fizessem algum mal , eu trancava a porta do meu quarto e pedia que eles tb trancassem a deles escondia todos as facas e tesouras de casa e não dormia vigiava a casa a noite toda. Dormia somente quando o dia amanhecia quando todos já haviam saído. por isso saí do emprego porque comecei achar que poderia morrer de bala perdida ou que algum homem que me olhasse no ônibus era um psicopata ou que o ônibus ia cair da ponte foram varias crises terríveis todos as noites esperava por elas e durante o dia eu não era ninguém fiquei deprimida cansada e sem motivação fazem doze anos que tive minha primeira crise e algumas horas que tive a ultima. fiz terapia tomo remédio mas sou um poço de ansiedade, as crises não são como antes e o intervalo de uma para outra chega ser as vezes de anos mas alguns sintomas sempre sinto, quando vou ter uma crise antes o meu organismo da alguns avisos aprendi a detectar com o passar dos anos gostaria de ficar totalmente curada mas apesar de tudo levo uma vida normal poderia fazer muito mais do que eu faço esse problema nos limita a algumas coisas mas conseguimos conviver com ele, mas ir ao médico tomar o remédio corretamente, fazer terapia e aprender a lidar com alguns sintomas é essencial. Boa sorte para todos nessa luta que não é fácil…

      Responder

    • Janaina da Silva diz:

      Oiee Jacqueline!
      Ontem eu senti todos os sintomas que você sitou acima, nossa achei que iria morrer, me bateu um desespero, tentei tomar aguá, mas não conseguir engoli, parecia ter um nó na minha garganta. Não conseguia ficar parada, meu coração disparava e muita falta de ar, muita mesmo, eu puxava e não vinha.Meu braço começou a formigar, depois o outro, derrepente todo meu corpo estava sem sentido, minhas mãos pareciam se torcer, minha bica travava. Só essas foram várias crises, uma atrás da outra, porque dava um intervalo de 5 segundos +ou- e tudo voltava novamente. tinha sensação de desmaio, vontade louca de chorar, mas não conseguia, parecia estar engasgada. Fui pro Hospital de tão desesperada que fiquei, mas como o SUS é uma porcaria, com médicos cretinos e mau educados, me deu um Diazepam e me mandou embora, disse que ficaria bem, e tudo voltaria ao normal. Hoje to aqui trabalhando, mas pareço não estar aqui, porque minha cabeça está leve, mau consigo andar, nem me concentrar.
      Beijos!!!

      Responder

  38. KAKÁ diz:

    EU TO IGUAL A VC!!!VAMO ORAR!

    Responder

  39. roseli pereira simao diz:

    gostaria tanto de ficar livre de mal que estou passando sinto minha respiraçao ofegante meu coraçao dispara um no na garganta nao consigo sair sozinha meu corpo treme parece que vou ter um infarto dor no peito minhas pernas treme e horriveu preciso de ajuda nao sei por onde começar.

    Responder

    • Silvana diz:

      Roseli, essa é uma doença da alma ela é maligna e você pode começar pedindo ajuda a Deus, nosso criador tem poder para curar toda e qualquer doença, vá a uma igreja universal e peça uma oração ao pastor eu tenho certeza que você vai ser curada!!! vai ficar livre… acredite

      Responder

    • ivete campezzi diz:

      Ola amiga procure urgente um psiquiatra, não k vc esteja com problemas graves e que so ele pode receitar os medicamentos certos e fazer tbm terapia com psicólogo minha filha esta assim.

      Responder

    • ROSA CAMARGO diz:

      roseli fique calma e pense q isso q vc sente é so psicologico, eu sei q é terrivel os sintomas pq os conheço bem,,,tenho uma filha de 18 anos que sofre desse mal a 7 anos..ela tem td que vcs citaram aqui…ja fez tratamento c psiquiatra, ou melhor esta fazendo, tem melhoras mas n pode ficar sem o calmante…eu e ela e o marido dela sofremos muito…pedimos a DEUS todos os dias, no fundo a verdade é que so ele pode curar isso…mas n se desespere, muitas pessoas tem o q vc tem…boa soRte e fique c JESUS.

      Responder

  40. Nicolle diz:

    Li muito ja sobre a sindrome do panico, mais essa foi a unica vez q senti vontade de escrever… Tive minha primeira crise a 4 meses atras dia 1 de novembro.de 2012, era um dia normal e de repente me peguei sem saber quem eu era, sem conseguir.falar, coracao saindo pela.boca, fui parar na emergencia.do hosp…. Depois desse dia é como se tivessem aberto a caixa de pandora pq nunca mais tive paz, as dores no peito, a falta de ar, o estomago embrulhado, as tremedeiras, a sensacao de parecer q vai perder o controle e explodir, o coracao a mil, a insonia e.o pior de todos esse medo.de morrer q.consome todas as forcas… Comecei o tratamento dia 6 agora e.mesmo.estando acordada.agora em crise achando q vou infartar estou.confiante… Descobri q e dificil.aceitar q temos um problema psiquiatrico pelo menos para mim é complicado sempre.to pensando q a pilha de exames.q.eu tenho que.estao errados pq e mais facil.de.explicar tudo.isso… Sei q a sindome do panico leva a um esgotamento emocional sem tamanho e é frustrante de ver como ela domina a nossa mente.. Uma.das coisas q me ameniza e quando passo mal ler o depoimento de outros e ver q nao estou sozinha, pq.so sabe oq e isso quem ja vivencio na pele… Mais todo dia renovo minha fé q isso vai passar nao so pra mim.como para.todos nos!

    Responder

    • alisson diz:

      acho que tenho esse problema quando leio os depoimentos dos outros vejo que nao e so comigo os mesmos sintomas………

      Responder

    • almeida diz:

      Nicole, entendo o que vc sente perfeitamente. tenho uma pendencia para resolver comigo mesmo e acho que isso me consumiu muito nos ultimos anos . tomo remédios já a bastante tempo mas os pensamentos(sempre os ruins) preenchem e muito a minha mente.

      Responder

      • Hélio Gomes diz:

        Amiga muda a sintonia. Pensamento ruim, tem que cortar no momento em que chega.Tem que se policiar, aos primeiros sinais volte seu pensamento pra coisas bonitas da sua vida, uma imagem bonita. Você controla seus pensamentos, então use e abuse do seu poder

        Abraços

        Responder

    • KAKÁ diz:

      EU TO IGUAL A VC!!!VAMO$ ORAR!

      Responder

    • ana diz:

      Olá,

      Tb eu tenho araques de pânico a toda a hora e do nada!!! Há 1 mês até tive na igreja, imagine! Tive q sair e telefonar para meu marido. Eu tremia tanto e nem sabia onde estava. Qd passa, até me dá para rir pela parvoíce porque passamos durante alguns minutos de aflição. Eu tenho ataques desde criança. Agora após os 40, parece q se intensificaram :o( Não tomo nada e não tenho psicólogo…

      Responder

      • Hélio Gomes diz:

        você já se perguntou sobre a sua infância?? Tem lembranças dela??aconteceu algo?? A resposta está no seu passado, procure resga-ta lo.

        Responder

    • ana diz:

      Olá,

      Tb eu tenho ataques de pânico a toda a hora e do nada!!! Há 1 mês até tive na igreja, imagine! Tive q sair e telefonar para meu marido. Eu tremia tanto e nem sabia onde estava. Qd passa, até me dá para rir pela parvoíce porque passamos durante alguns minutos de aflição. Eu tenho ataques desde criança. Agora após os 40, parece q se intensificaram :o( Não tomo nada e não tenho psicólogo…

      Responder

    • fred silva diz:

      Olha nicole fiquei muito feliz de ler isso pois vce me encoraja e me da força voce está fazendo que tipo de tratamento pois eu tenho 20 anos e ja sofro com isso,tudo que você escreveu foi exatamente oque eu senti e sinto.

      Responder

      • Nicolle diz:

        Oiii Fredd q bom q te encorajo,prometi pra mim mesma que quando melhorar eu ia me dedicar ajudando quem passa pelo mesmo pq a gente sabe onde nosso calo aperta mesmo mesmo…. Eu agora me trato com o psiquiatra eu tomo Lexapro e ele tinha me autorizado a tomar tbm o Rivotril, mais nao o tomei pq ele vicia entao tinha dias q dormia segurando o rivotril por seguranca se nao aguentasse mesmo…. No comeco do tratamento com o Lexapro os 15 primeiros dias foram os piores da minha vida, eu passei mto mto mal, eu pensei em desistir mtas vezes mais gracaas a.Deus tenho uma familia maravilhosa que me ajudo a segurar a barra… Agora um mes depois se falar q to curada irei mentir, mais nesse tempo todo é quando.estou me sentindo mais eu q me lembre, tenho sintomas isolados tipo o coracao acelera eu pego.e penso em outra coisa, me sinto.ansiosa faco algo.relaxante…. Vou te falar por mim oq funciona comigo, procurar um medico psiquiatra q entenda do assunto e importante pra te auxiliar, eu li mto sobre a SP pq eu queria entender oq eu tinha e oq era, eu escrevia todo dia antes de dormir.como foi meu.dia como um diario pra desabafar e tbm pra ver minha evolucao, quando tava mto ansiosa e sabia q nao ia aguentar.eu entrava.no chuveiro bem quentinho e sentava no chao pra agua me relaxar e so saia de la quando me sentia segura, era e ate hj é minha zona de seguranca… Aprendi lendo comentarios a contar de tras pra frente q acalma e isso funciona mesmo…. Antes de dormir.gosto tomar um mix de chazinho so pra relaxar…. Familia e importante, se sentir seguro e amado nao tem preco, assumirrr que tem um problema psiquiatrico e um passo grande e libertador… E acima de tudo pra mim eu lia as pessoas falando e achava conversinha,.cara acredita e tenha Fe.em.Deus, nao sou beata nem nada disso, mais tinha dias q me pegava de joelhos nao aguentando mais, chorando e implorando q ele me ajudasse e ele renovava minhas forcas toda vez, entao pede a ele q te ajude a melhorar q.te mostre.o caminho…. Foii isso e noq puder ajudar to a disposicao… Bjos

        Responder

        • fred silva diz:

          Olha eu fiquei sem palavras agora vejo que você está me dando forças só de ter respondido isso fico mto agradecido com sua gentileza eu realmente entendo que nao sou o único nesse barco e vejo exemplos de encorajamento pra poder continuar na luta, esses dias tive uma crise bem forte onde tive que tomar 1/4 de rivotril como nunca tinha tomado antes fiquei muito atordoado e acabei cortando o uso e fui para o tofranil onde estou tomando ja faz 3 dias mais sinto que ele aumenta mais ainda minha ansiedade.. Bom se continuar vai sair um livro. Mais fico mto feliz msm pois quero aprender com toda sua experiência e mais obg, minha família tem mais me ajudado agora e foram super fortes pra me ajudar pois tenho mta fé de que logo esse pesadelo irá terminar.

          Responder

    • Priscila diz:

      Estou assim tambem, falta de ar ,dor e queimação no peito do lado esquerdo, sensação de vou ter um infato e morrer e as dores vao piorando ai comeca dor nas costas, braços a dor no peito piora… o que faço estou desesperada ja marquei com psicologo.

      Responder

      • Gabrielle diz:

        oi priscila,tambem estou sentindo as maesmas coisas q vc,queimaçao do lado esquerdo,nos braços,ombros tambem,mas vai passar!bjo

        Responder

    • isabelle diz:

      concerteza nicolle isso vai passar, tambem tenho isso e tenho muita fe em deus q ele vai nos curar

      Responder

  41. Sary diz:

    Olá, Gostaria que alguém me ajudasse! não aguento mais sentir esses sintomas, Já estive pior, mas depois que fiquei sabendo o que realmente eu tenho tenho crises mais leves… como somente falta de ar, aperto no peito e a garganta parece que tem um nó… O que me incomoda é pensar que não tenho nada! e não queria que isso acontecesse! eu sou uma pessoa bastante ansiosa, mas no momento não acho que estou! é ruim sentir isso, principalmente em lugares indesejáveis.

    Responder

    • ana diz:

      Às vezes tenho que abrir as portas e/ou as janelas de casa para respirar, dá um medo enorme de morrer naquele momento, dá no cinema, etc. Até a dormir e acordei em pânico.
      Falam bem do hipericão, da passiflora, do valdixpert… este último é de farmácia. Atenção à interação do hipericão com muitos alimentos e medicação (pílula incluída). Falem com alguém entendido, caso optem por tomá-lo. Eu quero ter FORÇA suficiente para combater este problema, mas… mesmo agora me estava a dar. Fui à wc… Às vezes evacuava mais de 8 vezes seguidas. E vocês? Quais os vossos sintomas?
      Obrigada.

      Responder

  42. Luciana diz:

    Ninguem se importa.
    Sem dinheiro, sem amigos, sem cura.
    Morrer é a unica solução.

    Responder

    • Ana Lúcia diz:

      Luciana, morrer não é a solução. Tudo passa na vida… calma
      respire fundo, vc conseguirá ajuda, mas não tenha vergonha de
      pedir.
      Sugiro procurar atendimento psiquiátrico e psicológico e também
      cuide do seu espiritual.
      Saúde é o bem-estar físico, mental e espiritual.
      Que a paz esteja com com vc e anjos de luz de iluminem.

      Responder

  43. Adrieli diz:

    Oi! minha tia tem esse transtorno emocional e foi muito bom saber mais sobre isso….Parabéns pelo seu trabalho e que você continue sempre ajudando outras pessoas…. =D

    Responder

  44. Bruna diz:

    Olá, me chamo Bruna e tenho 18 anos.
    Desde 2010 tenho sentido coisas estranhas, tudo começou quando mudei de escola. Eu perdi o ano e me mudei para uma escola pequena e totalmente diferente da outra que eu estudava. Tive um ano ruim pois tive dificuldade para encontrar amigos, inclusive, acabei criando conflito com uma menina, o que deixou tudo pior. O ano letivo foi encerrado e eu pedi para os meu pai me tirar da escola, mas ele não quis, então no ano seguinte tive que continuar lá. Foi bem pior, as provocações aumentaram, e eu me afastei cada vez mais da escola. Não tinha mais vontade de fazer nada, sentia raiva de todos e a única coisa que me fazia bem era passar o tempo criando personagens. Além disso, me estressava facilmente (cheguei a agredir fisicamente a menina que me insultava).
    As professoras perceberam que eu estava dispersa nas aulas e me indicaram para a psicóloga da escola mesmo. Fiz duas sessões só, pois eu faltava com muita frequência e acabava tendo desencontro. Fora isso, não fiz nenhum outro tratamento. Até o final de 2011 eu tive esses sintomas.
    Quando fiquei de férias passei a me sentir melhor, mas ainda sem vontade de me socializar.
    Em 2012 iniciei o ano letivo em outra escola sem dificuldade para encontrar amigos, inclusive, foi bom.
    mas em agosto (se não me engano) comecei a ter sintomas de novo, só que um pouco diferente. Sinto muito medo de morrer. Tive dores no peito, e aceleração no batimento cardíaco, tremia e sentia falta de ar. Era frequente, horrível. Fui ao médico e não deu nada, estava tudo certo.
    Depois que fui ao medico fiquei algum tempo sem sentir a dor no peito, mas agora ela voltou, e além da dor no peito sinto picadas no corpo, formigamento e qualquer outra dor (por mais estúpida que seja) que sinto torno em uma coisa horrível que pode me levar a morte. Eu reclamo o tempo todo das dores, mesmo que elas não sejam tão intensas, eu reclamo porque sinto medo.

    Responder

  45. Isabel diz:

    Infelizmente desde o ano passado que vivo com medo constante de doenças. Acordo a pensar em doenças, vivo a pensar em doenças e sonho com doenças. Não posso ouvir falar de uma doença que começo logo a sentir esses sintomas. Neste momento tenho uma “dor” não é bem dor (não sei explicar o que é, no peito, por cima do estômago…. É uma sensação do mais horrivel que pode existir. Não tenho vontade de fazer nada, trabalho porque tem de ser, choro por nada… Estou sempre a pensar (e esta é constante) que tenho algo grave nos pulmões. Tenho de fazer um exame (segundo o alergologista para despiste da asma) e estou completamente em pânico pois estou constantemente a pensar que vão detectar algo muito grave. Com quem falo dizem “Tu és mas é stressada! Toma mas é juízo!” Estou a tomar diazepan 5mg e paroxetina,,,, Já tinha feito este tratamento a mando do neurologista mas parei ao fim de 6 meses pois sentia-me melhor… Agora voltou tudo… Isto é o quê??? É mesmo dos pulmões? (Fiz RX e não acusou nada) Ou é da minha cabeça? Só quero voltar a sorrir….

    Responder

    • rafael diz:

      oi minha querida o que vc.tem nao e nada disto sim uma doeça chamada sindrome bournat converse com seu medico na proxima consulta equeça o pulmao ta. boa noite

      Responder

      • Isabel diz:

        Mas então porque é que acordo sempre a pensar em doenças? Passo o doa a pensar em doenças, até sonho com elas… Falar de doenças ou ver uma notícia sobre qualquer doença é horrível para mim… Sinto falta de ar, que só passa se for fazer algo, como caminhar, arrumar, etc.. Mas a vontade de fazer estas coisas é muito pouca… E agora o médico quer que eu faça os exames… Seria melhor consultar um psicólogo? Ou estarei mesmo doente?

        Responder

      • Isabel diz:

        Esta sensação de queimação no peito, de falta de ar, de corpo tenso… Não sei como lidar com isto, não sei mesmo. Estou farta de ler coisas na net e só vejo que pode ser problemas de coração, pulmão, angina de peito… Será que o streaa e a ansiedade provocam tudo isto? Tenho tanto medo…. Agora estou para sair para um jantar e estou com uma sensação horrivel…. Tenho tanto medo de ter algo no pulmão ou no coração… Ajudem-me, por favor….

        Responder

    • Leandro diz:

      Isabel, fique tranquila…. que ótimo que vc ficou boa!!!!! Isso é sinal que o tratamento deu certo… pena que você o abandonou!
      Pensar em doenças faz parte da Sindrome do Pânico, infelizmente. As vezes tenho essa fase também… mas mudo meu foco de pensamento e logo passa!
      Quanto à exames, faça-os. Pois assim você descarta qualquer problema orgânico.
      Estou certo que tudo deriva sim da Sindrome do PÂnico. Um beijo!

      Responder

    • Luana diz:

      Olá, também tenho isso, vou começar a me tratar com psicólogo, é um sofrimento horrível, já tive na infancia mais fui vencendo aos poucos(achei que estava curada), voltaram agora, e pior que estou cursando enfermagem, então é péssimo, vou dá uma pausa no curso, mais já me acostumei com essas crises súbitas, é angustiante demais… Que Deus nos de muita força..

      Responder

    • martha diz:

      eu tambem tenho vivido dias de horrores esse negocio e muito ruim mas agora sei q tenho a sindrome do panico eu tomei a 4 meses o frontal quando ele acabava parece q o mal era pior por isso resolvi de mim mesma parar de tomar mas agora vejo q e um tratamento quem me passou foi o meu neurologista junto com um tal de daforim que sao anti depressivos pois quando estava tomando ele me sentia bem ia pra todo lugar sosinha e muito bem o problema era quando eu parava de tomar ele por isso acho que vou voltar a tomar de novo o que acham meus amigos/

      Responder

      • Carla Karoline diz:

        Martha, não pare de tomar seus remédios sem consentimento de seu médico.

        Isso pode piorar e prolongar o tratamento.

        Converse com seu médico antes.

        Responder

      • isabelle diz:

        numca fui ao psicologo e nem ao psiquiatra pq n consigo sair de casa por conta da simdrome do panico mais sera que posso tomar esses remedios ai? e como devo tomar?

        Responder

  46. Luci Barbi diz:

    Ah e sempre me pego pensando que estou doente, se dá dor de cabeça penso que tenho tumor no cérebro, se é no intestino acho que estou com cancer intestinal, etc. Sofro, choro muito…não sei o pq disso, queria saber se isto é síndrome do pânico…e se as picadas que tenho sentido tem a ver com isto…

    Responder

    • Leandro diz:

      Luci, parece ser sindrome do panico sim… eu mesmo já tive inumeros infartos, avc´s , esclerose, e muitas outras doenças de mentitirnha que a gente inventa para nós mesmos.
      FIque tranquila, é tudo da tua cabeça. Um beijo!

      Responder

    • gerlane diz:

      Meu Deus, as mesmas coisas q eu sinto. Horrivel essa situacao, tomava daforim,
      mas resolvi parar, pois sentia sono e como se estivesse fora do corpo ficava toda aerea,
      sinto vontade de vomitar , desmaiar, dormecia, pontadas no peito esquedo e outras coisas.
      Quando me falavam desse negocio de sidrome achava era frescura da pessoa, hj sinto na pele
      q o negocio e serio.. Espero q o senhor nos abencoe e nos livre pra sempre desse mal.

      Responder

  47. Luci Barbi diz:

    Oi, Mariana! Preciso da sua ajuda: estou tendo uma sensação de picadas por todo o corpo. Não é o tempo todo, tem horas que vem e depois passa…você sabe se isto tem a ver com a parte psicológica, como stress, etc. ou existe alguma doença com este sintoma? Preciso de ajuda, pois está me incomodando muito, e só consegui marcar com um médico daqui um mês. Muito obrigada! Abraços.

    Responder

  48. Nana diz:

    Quando você começa a sentir as sensações do pânico, sua cabeça já estava trabalhando em pensamentos ansiosos há muito tempo! E é nesse momento que temos que tentar racionalizá-lo! “Por que estou com medo disso?”, “O que é que pode acontecer?”… É importante que você desmistifique alguns medos para que a racionalização dê certo, como por exemplo: “Ninguém morre de uma crise de pânico”, “O que se passa na sua cabeça, são apenas pensamentos, não tenha medo deles. O pensar e o fazer são coisas completamente diferentes”, “Você não tem doença nenhuma, você só não consegue controlar suas emoções do jeito que gostaria (ainda)”, “ninguém enlouquece de SP”…

    Responder

  49. CLICIA diz:

    TENHO SINDROME DO PÃNICO, APRENDIR A CONVIVER COM ESSE SINTOMA , COM MUITA FÉ EM DEUS E ELE QUE E MEU REFUJIO NO MOMENTO DE AGONIA POIS SOU SOZINHA E NAO TENHO FAMILIA ,PERDIR MINHA MAE MUITO NOVA E MEU PAI NAO E PRESENTE ,EM FIM SO EU E DEUS E MEU NOIVO.

    Responder

  50. mria augusta roque anastacio diz:

    por favor me ajude a sair dessa

    Responder

    • RAQUEL LEAL diz:

      bom dia,relaxe….voce não é a unica!tente achar algo que te relaxe….no meu caso um bom bate papo,falar sobre o problema e sempre um exercicio fisico…caminhada é muito bom mesmo que 20 minutos….já sofri demais agora aprendi a conviver….fazer o que?lembrese que a crise vem e passa….isso ajuda a controlar….

      Responder

    • Luciano diz:

      Olha,eu sofri muito com o síndrome do pânico,tratei com neurologista homeopático,hoje tomo rescue,remédio natural que me ajuda muito.Praticamente acabou a crise.

      Responder

  51. mria augusta roque anastacio diz:

    quero saber porque as vezes achamos que nunca vamos sair dessa. tem hora que achamos que nao vamos aguentar.por favor me ajude ,pois faço tratamento a mais de dez anos.

    Responder

    • Luciano diz:

      Tratamento homeopático,eu recomendo.É o melhor tratamento que existe,tenta e depois me diga.

      Responder

    • Eneidinha diz:

      Acredito que nos momentos de crise, pensamos que nunca vamos sair dessa pois sentimos um grande desespero e não conseguimos pensar que vai passar, mas só pensamos que algo de mais terrivel esta acontecendo. Sei que há um desequilibrio o alarme do medo é ativado sem ter uma catastrofe real. Ainda hoje os cientistas não sabem explicar o porque q

      Responder

      • Eneidinha diz:

        que isso acontece. Faço tratamento há mais de 14 anos, ja tentei homeopatia, centro espirita, tudo o que vocês imaginam. O que me ajudou foi acompanhamento medico e psicologico. A ajuda dos amigos e da familia sempre foi essencial para mim. Quando vejo que a crise vai começar, pego o celular e ligo para amigos, ou mesmo familiares. Vi que o fato de saber que há outra pessoa que sabe da situação me acalma.

        Responder

  52. Tamiris diz:

    Há algum tempo, tenho tido problemas em me relacionar, principalmente com pessoas desconhecidas, o que nunca foi problema pra mim. Além dos sintomas da Síndrome, tenho desenvolvido fobias estranhas, como a de gatos. E frequentemente sofro de alucinações, principalmente ao despertar de algum sonho, como se levasse algum tempo para perceber que estou acordada. Já busquei ajuda de um psicólogo, sem muito resultado. Neurologistas e cardilogistas me receitaram alguns remédios, remédios não muito fortes segundo eles, pois pela minha idade (18 anos) algo mais forte poderia causar efeitos colaterais indesejados. Porém nada adiantou. Tenho medo de me abrir com minha família e me passar como “louca”. É motivo para que busque ajuda psiquiátrica? Ou devo apenas procurar outros profissionais das áreas que já visitei?

    Responder

    • Kaka diz:

      Tamiris, tenho 24 anos e tbm estou com sintomas da sindrome do panico, somos muito novas. Creio que isso vem do estresse, sou uma pessoa muito exigente em tudo, exijo de mim, dos outros, e isso acaba causando um estresse muito alto. Alem disso o estilo de vida, transito, trabalho, faculdade, má alimentação. Entao, sugiro a voce, que comece melhorando seu estilo de vida, se abra com sua familia, explique o que é, se nao entenderem, tudo bem ( a minha tbm nao entende direito ainda) mas vai fazer bem se abrir, e procure outros medicos se possivel, neurologistas geralmente receitam remedios muito fortes, meu Cardiologista me receitou Pondera 20 mg, muito bom, me deixa mais calma…vou ser sincera, a sindrome nao desaparece, mas vc sabe que nao vai morrer e logo ela vai passar, consegue se controlar melhor. procure ajuda, e boas melhoras! :)

      Responder

    • Luana diz:

      Olá, Tamires tenho isso desde os 8 anos de idade, nunca me tratei com psiquiatra por achar desnecssário, tinham cesados, ou seja as crises vem e vão, não consigo me alimentar direito, tenho medo de tomar meu banho, é uma coisa horrorosa mesmo… O que temos que fazer é aceitar a doença e buscar ajuda médica quando necessário.. Espero que vc melhore flor.

      Responder

  53. luciele diz:

    bom fasso uso do sertralina ha 3anos ate entao estava boa ate que senti tudo de novo meu coracao despara sinto falta de ar e um no na garganta e uma sensacao que vou enlouquecer e me da fortes tonturas .E depois da crise no outro dia nao tenho paz fico o tempo todo anciosa com muito medo de repetir ;e tem horas que sinto meu corpo queimar e me da uma grande angustia.obs;faz dois anos que nao tenho acompanhamento medico.luciele

    Responder

    • Eneidinha diz:

      Olá Luciele, acredito que você precisa voltar a fazer um acompanhamento medico, para ver se a sertralina continua sendo uma boa opção para você ou se deve mudar , talves ver ver um especialista, psiquiatra e quem sabe tambem um psicologo para que possas falar e descobrir o porque dessa nova crise.
      Abraço e força sempre

      Responder

  54. Raquel Serra diz:

    Olá,tenho sindrome do panico a mais de 4 anos,passei por psicologo e psiquiatra que me medicou mas não tive mudanças positivas com o medicamento,tive muito sono e fiquei na cama por muito tempo por conta de medicamnetos para relaxar. Hj sei que preciso de algo que me ajude,pois tenho varios tipos de sensações que as vezes são insuportaveis. Hoje aprendi a me controlar muito,mas mesmo assim não é o suficiente. As vezes vem com força total. Será que existem medicamentos que nao me deixem inativa? Quero ter todo akele pique que eu tinha de 4 anos atras.
    Se possivel gostaria de saber onde se localiza seu consultorio.
    Obrigada

    Responder

    • Luciano diz:

      Tratamento homeopático,eu recomendo.É o melhor tratamento que existe,tenta e depois me diga.Toma réscue,produto natural que vende nas farmácias homeopáticas.

      Responder

  55. leonie diz:

    bom dia, tenho sindrome do panico há 4 anos e só agora vou procurar um tratamento psicologico pois as crises estão se tornando cada vez mais constantes, estou visistando varios blogs e é bom saber que outras pessoas sentem as mesmas coisas que eu e não estou sozinha nessa….agora mesmo as tais sensações estã querendo vim…mas eu estou me controlando… contem sua historias pois isso faz outras pessoas entenderem seus problemas….

    Responder

  56. sonia maria de oliveira santos rocha diz:

    tenho sindrome do pânico, formigamento nas mãos, pés minha garganta parese que vai feixa sinto um cheiro orrivel no nariz, sinto á morote chegando, me debato na cama, choroi muito não quero falar e nem vê ninquem. leva meia hora para voltar ao normal. que muito ajuda por favor.

    Responder

  57. claudia pinheiro diz:

    sofro de depressão ja alguns anos depois da minha separação. tomei venlafaxina durante a primeira depressão e felizmente com ajuda dos medicamentos e o apoio dos amigos consegui ultrapassar a doença. certo é que fiquei sempre com sequelas. sou muito nervosa, ando sempre irritada, tudo me aborrece, e sou comulsiva obcessiva pelas limpezas. passo o dia inteiro a limpar a a arrumar. e fico nervosa quando vejo alguma coisa suja e desarrumada.xego ate a brigar com a minha familia por nao ver as coisas no seu devido lugar tal como as deixei. enfim, sucede se que devido a problemas no meu trabalho, vi obrigada a despedir me e ainda hoje nao consigo passar la perto. voltei a ter outra depressão, e agora ando apavorada porque tenho medo de dormir. aqui á cerca de 2 meses acordei para ir ao wc sobre a madrugada e ate ali tudo bem, voltei a deitar me e comecei a sentir uma dor agoniante no peito e garganta, suores frios e muitas picadas no corpo. seguida duma dormencia horrivel por todo o corpo. chamei o inem porque pensei tratar se dum ataque cardiaco. a minha pressão arterial disparou, mas ja no hospital disseram tratar se de um ataque de panico. este ataque sucedeu se numa altura em que faleceu o meu sogro vitima de tumor e eu vivi intensamente o processo da doença dele. desde esse ataque de panico que tenho sentido quase todas as noites quando estou a dormir durante o proprio sonho uma sensação horrivel como se quisesse acordar daquele sonho e nao conseguisse. é como se estivesse preso a ele e quisesse acordar e nao conseguisse. começo a sentir falta de ar e o corpo preso e uma agonia na garganta. estes episodios repetem se sucessivamente a medida que vou tentando adormecer de novo. xego mesmo a lutar de noite contra o sono com medo que me voltar a dar o mesmo ataque. quando nao me dá estas crises, assim, durante o sono sonho que estou dentro de um carro por exemplo ou a voar a uma alta velocidade e acordo apavorada xeia de falta de ar e assustada. sei que ando a ficar desesperada e isso está afectar me a cada dia que passa.eu ja durmo pouco á muitos anos, e agora ainda durmo menos com medo destes ataques nocturnos

    Responder

    • Mariana Fulfaro diz:

      Oi, Claudia!

      Você já procurou um psicólogo?

      Responder

    • Alves diz:

      Passei por isso, faz Um tratmto.espiritual onde ninguem cobra nada faz td q eles pedirem que vc vai melhorar. Poe na cabeça q isso não é nada, tente se apegar a deus em primeiro lugar. Porem vc precisa de uma auto ajuda.na renovação carismática catòlica tem grupos de oração que faz a diferença.
      Cuidado co charlatõēs.

      Responder

    • Rose diz:

      Olá claudia
      Passei igualzinho a vc, por estas crises de pânico durante o sono, são a pior coisa qu alguém pode ter.
      Olha só, tem um saída, não gosto de indicar remédios, mas pergunte ao seu médico psiquiatra por um hipnótico, é diferente de calmante, ele faz dormir sem deixar acordar e corta a crise. Prá mim funcionou durante muito tempo, era um alívio imenso.
      Um exemplo é o Lioram e o Stilnox (a substancia chama zolpidem) Tem tamb´m na versão cr, que dura mais horas (Stilnox CR)
      Não esqueça de entregar sua vida a Deus e agradecer todos os dias pelas mínimas conquistas, isto fará a maior diferença, no meu caso a Renovação Carismática Católica também ajudou
      Boa sorte, e fique com Deus

      Responder

  58. suelen melo diz:

    gente,eu acho que ñ vou suportar,fazem 2 anos que sinto varios sintomas do panico,meu coraçao do nada dá um pulo,esse é meu maior medo,os outros são falta de ar,aperto no peito,e sempre a vontade imensa de tomar o rivotril,que me faz bem por incrível que pareça,mas se eu colocar na cabeça que meu coraçao vai dar um supapo nao tem rivotril no mundo que impeça isso,me ajuda por favorrr,tenho 28 anos,já tenho medo de ter uma raivinha,penso logo que meu coraçao vai pular ou parar de bater,e detalhe…. só durmo de papo pra baixo,e me mexendo dos pés a cabeça pra ñ sentir o coraçao batendo,e ás vezes me dá uma tristeza sem explicação,uma vontade de nao viver mais,oque é isso me ajudemmm por favor

    Responder

    • Luana diz:

      Estou assim Suelen, tive as crises com 8 anos de idade, sem ajuda médica achei que fosse melhorar, mais agora aos 19 anos volta e meia tenho essas crises que duram meia hora ou mais, é muito ruim isso,faço curso de auxiliar de enfermagem, to faltando aulas e provas com as crises, não consigo me concentrar direito, irei parar o curso por um tempo e procurar ajuda médica. Espero que vc melhore, mais os que nos conforta é que vemos comentários de pessoas que tem a mesma sensação que a nossa.

      Responder

  59. kenia diz:

    Boa Noite !

    Encontrei este blog, tenho síndrome do pânico desde 2007, fiz um tratamento com psquiatra e psicoteraeuta durante 2 anos, pensei estar bem, tinha deixado de tomar os remédios este ano , e resolvi tomar a atitude de conhecer são paulo, faz 15 dias, e tive uma crise e tudo voltou novamente.

    Responder

  60. MARLI diz:

    OI depois da morte de um filho de uma amiga e a volta de uma chefia em meu trabalho, juntando com inicio de uma faculdade, comecei a sentir coisas estranhas, como falta de ar, boca seca e pertubação no sono, acordar achando q está morrendo sem ar… coisa estranha e horrível e com isso a pressão arterial acaba subindo muito. depois de 2 meses só com calmante natural durmo bem… mas n sei o q fazer com esse frio que sinto dentro do peito, a medica q consultei falou q era distúrbio da ansiedade … gostaria de saber como relaxar , alguns exercício para ajudar a melhorar esse sintoma, fui encaminhada ao psiquiatra, mais ainda n fui

    Responder

  61. by claudio chs diz:

    Medo…

    Vontade de dar um grito,
    ou calar-se para sempre
    De ficar parado, ou correr
    De não ter existido
    ou deixar de existir (morrer)
    Não há razão quando a mente não funciona
    (redundante, não?)
    Vão extinguindo-se as questões
    mesmo sem respostas
    Perde-se, neste estágio,
    a vontade de saber.
    O futuro é como o presente:
    É coisa nenhuma, é lugar nenhum.
    Morreu a curiosidade
    Morreu o sabor
    Morreu o paladar
    parece que a vida está vencida
    Tenho medo de não ter mais medo.
    Queria encontrar minhas convicções…
    Deus está em um lugar firme, inabalável,
    não pode ser tocado pela nossa falta de confiança
    Até porque, na verdade, confio nele
    O problema é que já não confio em mim mesmo
    Não existe equilíbrio para mentes sem governo
    A química disfarça, retarda a degradação
    mas não cura a mente completamente
    E não existem, em Deus, obrigações:
    já nos deu a vida, o que não é pouco,
    a chuva, o ar, os dias e noites
    Curar está nele, mas, apenas retardaria a morte
    já que seremos vencidos pelo tempo
    (este é o destino dos homens)
    e seremos ceifados num dia que não sabemos
    num instante que mira nossa vida
    e corre rápido ao nosso encontro lentamente
    (ou rasteja lento ao nosso encontro rapidamente?)
    Sei lá…
    Mas não sei se quero estar aqui
    para assistir o meu fim
    Queria estar enclausurado, escondido…
    As amizades que restam vão se extinguindo
    e os que insistem na proximidade
    são os mesmos que insistirão na distância,
    o máximo de distância possível.
    A vida continua o seu ciclo
    É necessário bom senso
    não caia uma árvore velha, podre, sobre as que ainda estão nascendo.
    Os que querem morrer deixem em paz os que vão vivendo
    Os que querem viver deixem em paz os que vão morrendo
    Eu disse bom senso?
    Ora, em estado de pânico não se encontra bom senso
    nem princípios, nem razão, nem discernimento,
    nem força alguma
    Torna-se um alvo fácil
    condenável pelos que estão em são juízo
    E questionam: onde está sua fé?
    e respondo: ela estava aqui agora mesmo…
    ela não se extingui, mas parece que as vezes se esconde de mim…
    o problema é que, quando a mente está sem governo
    (falo de um homem enfermo)
    é como um caminhão que perde o freio
    descendo a serra do mar…
    perde-se o contato com a fé e com tudo o que há…
    e por alguns instantes (angustiantes)
    não encontramos apoio, nem arrimo, nem chão, nem parede, nem mão…
    ah… quem dera, quem dera…
    que a mão de Deus me sustente neste instante…
    em que viver é tão ou mais difícil que conjulgar todos os verbos…
    porque sou, neste momento
    a pessoa menos confiável para cuidar de mim mesmo…
    tenho medo, medo…
    medo de perder o medo
    de sair da vida pela porta de saída…
    medo de perder o medo
    de apertar o botão “Desliga”…

    .

    Responder

  62. Fátima Ribeiro diz:

    Boa Noite, Mariana.

    Acabei de ler o texto Síndrome do Pânico, e algo me chamou atenção.Já faz uns cinco anos que desenvolvir uma fobia em dirigir, devido eu ter vivido momentos dificies com uma pessoa da família que sofreu um acidente de moto,a partir daí eu fui desenvolvendo um medo, até chegar ao ponto que esse medo me dominou, necessito urgentemente voltar a dirigir mas não consigo me livrar desta situação. Pelo menos já criei coragem para fazer um tratamento, agendei uma consulta com a psicológa.Eu pergunto a vc será que isso é síndrome do pânico?

    Responder

  63. patricia paula diz:

    olá,estou aki por causa da sind.do pânico,ja faz 4 anos que sofro com isso e para mim ta muito dificil,e pra completar estou com depressão,não sei mais o que fazer,será que um dia ficarei curada?

    Responder

    • marco diz:

      “Vinde a mim, todos os que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para a vossa alma. Porque o meu jugo é suave, e meu fardo é leve.”
      ——————————————————————————–
      O convite é Vinde a mim, e isto significa que uma decisão deve ser feita de deixar o pecado, afastar-se do erro e vir a Jesus Cristo. E não se pode ler sobre Jesus com um coração honesto sem ser motivado para vir a ele. Ora, pode-se ler sobre ele meramente por certos interesses acadêmicos, ou curiosidade intelectual. O conhecimento que se ganha deste tipo de estudo pode jamais resultar em qualquer conversão ou salvação.

      Mas, quando abrimos nossa mente — quando nosso coração é bom — quando sabemos que precisamos de alguma coisa melhor na vida e lemos sobre Cristo, somos motivados a mudar nossa direção, abandonar o pecado em nossa vida e vir a ele.
      ———————————————————————————

      Amiga esta é a única razão pela qual estou motivado a viver uma vida melhor, seguir meu senhor jesus Cristo. eu já tive uma grande depressão faz 8 Anos atrás,
      e ainda a poucos dias também tive outra, e não precisei de nenhuma medicação,
      minha medicação é meu senhor jesus Cristo Amém.

      Responder

  64. Gislaine Angelo diz:

    olá já tive sindrome do panico muito tempo tom remedio controlado ja faz 7 anos e não sinto mais nada mas tenho uma coisa que não sei se vou perder tenho vontade de ficar gravida e tenho muito medo não sei como explicar acho que preciso de terapeuta???

    Responder

  65. monica diz:

    ha uns tres meses tenho tido sensaçoes estranhas batedeira no coraçao tremedeira calores e fico morrendo de medo de ter um infarto mas ja fui ao cadiologista fiz varios exames mas nao deu nada .geralmente estas crises duram uns 15 minutos sera que eu tenho sindrome do panico?

    Responder

    • Mariana Fulfaro diz:

      Olá, Monica!

      Se você ficou insegura com o diagnóstico desse profissional, sugiro que consulte outro.

      Já para saber se tem síndrome de pânico, procure um psicólogo ou médico psiquiatra, eles te ajudarão!

      Responder

    • lilia cardoso diz:

      com certeza , eu sentia as mesmas coisas , e continuo sentido, mais já me acostumei co os sintomas .

      Responder

  66. Shyrlene Torres diz:

    Bom Dia querida adorei entrar no e-mail e ver seu recadinho.
    Um super abraço e um ótimo domingo p/ você. Bjos!

    Responder

  67. Shyrlene Torres diz:

    Olá Mariana, boa tarde. Gostei muito do vídeo e também da matéria.
    Resolvi fazer vestibular para Terapia Ocupacional e passei.
    Antes eu era Instrutora de Informática, tinha um aluno com Síndrome de Dawm. Foi quando me apeguei a ele por uns 10 meses,quando finalizava o curso básico de informática, comigo ele aprendeu Digitção Eletrônica, Windows, Word, Excel, Power Point e Access.É muito inteligente esta criança em 2008 tinha 14 anos.Onde ele tinha minha atenção especial.
    Fico Feliz em tê – lo ajudado e ser reconecida no bairro onde eu ensinava. Hoje sou Assistente Administrativa e logo serei uma Terapeuta Ocupacional, com a Graça de DEUS.AMÉM

    Responder

  68. carina castro diz:

    pra mim a vida tem sido meio complicada,cuido de várias crianças todos os dias,pois sou babá.além das dividas rotineiras,vivo em casa todos os dias e não saio nem final de semana.agora pq não consigo mesmo,me sinto mau na rua,estou deixando de ir á festas,passeios,lidar com as pessoas e me divertir,tudo pq adquiri essa sindrome.estou perdida,precisando de ajuda e sem tratamento depois q perdi tudo em minha vida,sentimentalmente e fiannceiramente.logo eu q sempre fui uma pessoa animada e bladeira,hj vivo aprisionada em mim mesma.

    Responder

  69. Larissa diz:

    Desculpe escrevi um recado e percebi alguns erros agora e não tenho 03 anos mais sim 13 anos. Se puder me responder escreva se me desculpa pelos erros do primeiro recado.

    Responder

  70. Larissa diz:

    Oi, Marina obriga pelas dicas tenho 03 anos e sou muito estressada, nervosa estou aprendendo a lidar com o nervoso ou melhor comigo mesmo. Além das suas dica tenho a ajuda de uma amiga que é terapeuta ocupacional. Espero que um dia coloque dicas sobre nervoso e ansiedade. Agradeço desde já.

    Responder

  71. Marina diz:

    Provavelmente você já passou por isso pra saber o quanto é ruim. Tenho crises exatamento quando estou passo por um estresse muito grande ou vivencio um momento desconfortável.

    Descobri essa doença recentemente. Sou acompanhada por um psiquiatra e estou a procura de um psicologo. Tomo remédios e vejo que ainda dependo deles.

    Vou fazer o teste que você propos, achei bastante interessante sua matéria. Parabéns.

    Responder

  72. Erika diz:

    Oi Mariana,

    Muito interessante suas matérias.Parabéns!
    Vou iniciar com uma paciente que está com Síndrome do Panico.Você tem algumas dicas para passar para mim?

    Responder

  73. tarciano sampaio santos diz:

    adorei essas informações tenho uma irmã que estar com sindrome do pânico gostaria muito de poder ajuda-la.

    Responder

  74. Danielle diz:

    gostaria de está recebendo algumas dicas de como ajudar (atividades)q possam tá ajudando um paciente com sindrome d panico

    Responder

  75. Marcos Airosa diz:

    Desculpe-me, publiquei este artigo no blog http://www.psicologiabipolaridade.blogspot.com ( Um pouco de psicologia – No momento estou por esta situação, é terrivel.

    Um abraço marcos airosa http://www.dihitt.com.br/marcosairosa

    Responder

  76. sueili diz:

    Sueili-junho24,2010
    Mariana foi muito bom le alguns textos seus principalmente sindrome do panico trabalho com saude mental e uma realidade estou fazendo pos-graduacao emsaude mental e atencao pscossocial

    responder este contato

    Responder

  77. Ana Leite diz:

    Pois é, Mari. Equilíbrio é a palavra-chava para um monte de coisa na vida. Quanto a Sínd. do Pânico, ela com certeza tem consequências sérias na qualidade de vida. Quem tem esses sintomas não pode associá-los a “frescuras”, tem que procurar um médico e se tratar. Apesar dos sintomas não serem “racionalmente explicáveis”, eles existem. Bom post! =)

    Responder

Deixe uma resposta